O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio pode servir como um recomeço para franquia. É isso que acredita o diretor Tim Miller.

O cineasta declara para revista Total Film que a franquia “foi estragada e perdeu seu caminho” após O Exterminador Do Futuro 2 – O Julgamento Final. Até por isso, o mais novo longa ignora os últimos três filmes da série, O Exterminador do Futuro 3: A Rebelião das Máquinas, O Exterminador do Futuro: A Salvação e O Exterminador do Futuro: Gênesis.

“Eu acho que a marca foi contaminada um pouco. Eu não quero menosprezar o trabalho dos filmes anteriores e alguns foram interessantes, mas eu sinto que eles foram ambientados no mundo de O Exterminador – isso é essencialmente algo diferente. O Exterminador 2 foi um dos eventos que é uma revelação f*da. É um daqueles filmes que todos se lembram o que estavam fazendo quando veem. Eu acho que ainda não percebi o que estou tentando dar continuidade…”, afirmou o cineasta.


A revista também divulgou novas fotos de O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio. Confira abaixo.

Para recuperar a franquia, Miller contará novamente com Linda Hamilton, que vive Sarah Connor, e com Arnold Schwarzenegger, como mais um Exterminador. Edward Furlong, o John Connor original, também estará na história.

“27 anos após os eventos de O Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final, um novo e modificado Exterminador de metal líquido (Gabriel Luna) é enviado do futuro pela Skynet para exterminar Dani Ramos (Natalia Reyes), uma híbrida de ciborgue com humana (Mackenzie Davis) e seus amigos. Sarah Connor (Linda Hamilton) vai a seu auxílio, assim como o Exterminador original (Arnold Schwarzenegger), em uma luta pelo futuro”, diz a sinopse.

O novo filme conta com o retorno de James Cameron, diretor dos dois primeiros filmes que desta vez atua como produtor do longa. Billy Ray (Capitão Phillips) escreveu a última versão do roteiro.

O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio chega aos cinemas brasileiros em 31 de outubro.