Dwayne Johnson, o The Rock, se mostrou bastante orgulhoso do seu trabalho em Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw. No Twitter, o ator até comemorou que o filme conseguiu ter uma vitória contra Vingadores: Ultimato

Apesar do filme da Marvel ter inúmeros recordes, incluindo o de maior bilheteria da história, Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw conseguiu uma marca que era de Vingadores: Ultimato. O derivado da franquia é, no momento, o longa de 2019 que mais liderou a bilheteria mundial – foram quatro semanas, contra três do longa dos heróis. 

“Obrigado pessoal pelo amor e apoio que vocês têm com Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw. Vocês fizeram o filme o líder mundial pela quarta semana consecutiva. Isso, senhores e senhoras, garotas e garotos, crianças de todas as idades, é o novo recorde de 2019. O recorde anterior era dos filmes favoritos de heróis, Vingadores: Ultimato, Homem-Aranha: Longe de Casa e Capitã Marvel. Eles seguraram por três semanas e nós conseguimos o novo recorde. Quatro semanas consecutivas”, afirmou Dwayne Johnson no Instagram. Confira abaixo. 


Derivado da franquia Velozes e Furiosos, o longa mostra a aliança improvável entre o policial Luke Hobbs (Johnson) e o exilado Deckard Shaw (Jason Statham), que decidem se unir para combater um vilão (Idris Elba) aprimorado geneticamente que ameaça o futuro da humanidade.

Com roteiro de Chris Morgan e direção de David Leitch (Atômica e Deadpool 2), o filme traz também no elenco Vanessa Kirby, Elza Gonzales e Helen Mirren, entre outros.

Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw tem bilheteria mundial de US$ 758,6 milhões, contra US$ 2,79 bilhões de Vingadores: Ultimato (a maior bilheteria de todos os tempos).