Com a divulgação dos indicados ao Oscar 2020, a polêmica tomou conta das redes sociais, já que a premiação está sofrendo diversas críticas por conta da falta de diversidade de gênero e cor dentre os concorrentes.

O escritor Stephen King, que é um dos membros da Academia de votantes do Oscar, deu uma opinião bem polêmica sobre o assunto.

Stephen King e a diversidade

Em sua conta oficial no Twitter, Stephen King explicou sua posição como votante do Oscar. Ele explicou que não tem direito ao voto em todas as categorias.


“Como escritor, é permitido que eu vote em apenas três categorias: Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Roteiro Original. Para mim, a questão da diversidade – que se aplica a atores individuais e diretores, de certa forma – não apareceu. Dito isso…”, explicou.

Em uma segunda postagem, Stephen King disse que para ele, não é interessante considerar questões de diversidade na hora de votar no Oscar.

“… Eu jamais consideraria diversidade em questão de arte. Apenas qualidade. Me parece que fazer qualquer outra coisa seria errado”, opinou.

Stephen King é o escritor de diversas obras de terror amadas, como It e O Iluminado.