Celebridades tem uma plataforma muito grande para usar da forma como desejarem – todas as suas declarações e posicionamentos são vistos e repercutidos por milhões, e eles podem ajudar diversas causas que acharem dignas de sua atenção.

10 famosos que foram banidos de outros países

Os 8 famosos que reunimos abaixo “adotaram” causas brasileiras, ou se pronunciaram sobre assuntos polêmicos do nosso país. Confira:


Viola Davis

VIOLA DAVIS | Recentemente, a atriz vencedora do Oscar por Um Limite Entre Nós foi parar nas manchetes dos veículos brasileiros por fazer posts homenageando a vereadora Marielle Franco, assassinada esse mês no Rio de Janeiro. “Acabei de ler sobre essa mulher corajosa que lutou pelos direitos dos pobes nas favelas. Estou de pé e lutando com você, Brasil”, escreveu.

RuPaul

RUPAUL | O apresentador da RuPaul’s Drag Race e pioneiro da arte da drag queen no mainstream, RuPaul foi outro que sentiu-se compelido a falar de Marielle nas redes sociais. “O assassinato da ativista dos direitos humanos Marielle Franco foi uma grande perda para o Brasil – e para o mundo”, escreveu o artista.

Katy Perry

KATY PERRY | Enquanto isso, a postar norte-americana aproveitou sua parada no Brasil com a Witness Tour para homenagear Marielle em seu show no Rio de Janeiro, no último dia 19. Durante a apresentação, Katy recebeu no palco a irmã e a filha da vereadora, ao mesmo tempo que uma imagem de Marielle foi projetada nos telões e no fundo do palco.

Eddie Vedder, do Pearl Jam

PEARL JAM | A banda de Eddie Vedder fez barulho em sua passagem pelo Rio de Janeiro, divulgando um pôster para o show que mostrava aves tropicais armadas com metralhadoras, em referência à intervenção militar na cidade. “É uma homenagem às pessoas das favelas que, apesar da desigualdade obscena, encontraram uma maneira de construir cidades nas montanhas”, escreveu a banda.

Bono Vox

U2 | Sempre engajada, a banda irlandesa não deixou passar em branco seu último show no Brasil, que aconteceu em novembro passado. O baterista do U2, Larry Mullen Jr, apareceu em certa parte do show com uma camiseta estampada com os dizeres “censura nunca mais”, e Bono discursou elogiando o esforço brasileiro na luta contra a AIDS.

MARK RUFFALO | A investida do engajado ator da Marvel (ele é o Hulk nos filmes da editora) nas causas brasileiras foi um pouco desastrada. Em 2014, o ator resolveu apoiar publicamente a candidata à presidência Marina Silva, graças às posições ambientalistas de sua campanha – no entanto, pouco depois o ator retirou o apoio, ao saber das opiniões mais controversas de Marina acerca do casamento gay e do aborto.

KATE NASH | Quando Kate Nash passou por São Paulo, em 2013, a cidade (e o país) estava agitada com protestos graças ao preço do transporte público e, mais amplamente, à corrupção governamental. Aproveitando o momento, ela vestiu uma bandeira do Brasil e se juntou à multidão na Avenida Paulista.

Susan Sarandon
Susan Sarandon

SUSAN SARANDON | A atriz vencedora do Oscar por Os Últimos Passos de um Homem foi só uma de muitos famosos que assinaram um manifesto repudiando o impeachment de Dilma Rousseff, em 2016. Alan Cumming (Burlesque), Frances de la Tour (Harry Potter), Stephen Fry (V de Vingança), Viggo Mortensen (O Senhor dos Anéis) e vários outros também assinaram.