O longa Nada a Perder – Contra Tudo, Por Todos chega aos cinemas nessa quinta (29) fazendo biografia de um dos maiores líderes espirituais do Brasil atual, o Bispo Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus.

8 famosos estrangeiros que se pronunciaram sobre causas brasileiras

Embora polêmico, o filme aborda vários detalhes da vida do bispo. Confira algumas curiosidades:

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

LARGANDO A ESCOLA | Graças a problemas financeiros na família, o futuro bispo teve que largar a escola aos 11 anos para ajudar o pai no bar que havia aberto. Só retomaria os estudos aos 15, quando a família se mudou de Petrópolis para Simão Pereira, e se formaria no ensino fundamental (na época, ginásio) aos 16.

MUDANÇAS DE EMPREGO | Em 1963, aos 18 anos, Macedo começou a trabalhar em uma loteria, onde ficaria por 16 anos e ascenderia até a posição de chefe de tesouraria (ele chegou a começar faculdades de matemática e estatística). Nos últimos 9 anos de carreira antes de se tornar pregador, Macedo manteve um segundo emprego como pesquisador do IBGE.

CONVERSÃO | Nascido em família católica praticante, Macedo se converteu pouco depois da irmã, Elcy, que passou por problemas graves de saúde e clama ter sido curada pela Igreja Nova Vida, pregada pelo canadense Robert McAlister em um programa de rádio. Aos 19 anos, ele se tornou evangélico, e aos 30 fundaria sua própria igreja.

CASAMENTO | Aos 26 anos, Macedo se casou com Ester Eunice Rangel Bezerra, que conheceu na Igreja Nova Vida. Curiosamente, os dois se conheceram quando Ester pediu para o futuro bispo ajuda para uma prova de matemática – oito meses depois, estavam casados. O casal tem três filhos: Cristiane (1973-), Viviane (1975-) e Moysés (1990-), esse último adotado.

PARCEIRO DE NEGÓCIOS | Outro nome bem conhecido do evangelismo brasileiro, R.R. Soares, foi parceiro de Macedo nos primeiros anos da Igreja Universal. Casado com a irmã mais nova do futuro bispo, Madalena, Soares começou ao lado de Macedo pregando o evangelho em um coreto da Praça Jardim do Méier, e em 1977 os dois fundariam juntos a Universal. Em 1980, a parceria se desmanchou e Soares fundaria mais tarde a Graça de Deus, igreja concorrente.

IMPÉRIO MIDIÁTICO | Como líder da Universal a partir de 1980, Macedo reforçou os investimentos no crescimento da base de fiéis usando a telecomunicação – começando pela rádio, com a Metropolitana do Rio de Janeiro (RJ), e passando pela TV, onde começou a apresentar o programa Despertar da Fé na TV Tupi. A compra da TV Record aconteceu em 1989, quando a emissora tinha dívida de R$ 20 milhões (hoje em dia, o grupo arrecada em torno de R$ 2.2 bilhões por ano).

FORTUNA | Em 2013, a revista Forbes publicou uma polêmica matéria que estimava o patrimônio de Macedo em R$ 2 bilhões. O bispo e a Igreja Universal negaram essa informação, dizendo que ele não participava dos lucros da Record e, como pregador, era mantido apenas pela “ajuda de custo” provida pela igreja aos seus pastores. No entanto, entre suas propriedades o Bispo conta com um avião privado avaliado em R$ 45 milhões.

PRISÃO E DENÚNCIAS | Em 1992, o Bispo foi preso pela primeira vez, acusado de charlatanismo, estelionato e curandeirismo. Na época, celebridades e políticos consideraram a ação da Polícia Civil extrema,  e Macedo foi libertado após protestos dos fiéis na frente do Palácio 9 de Julho. 17 anos depois, em 2009, Macedo foi novamente acusado de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, enquanto em 2017 uma denúncia o apontou como líder de uma rede de tráfico de crianças em Portugal.

POSIÇÕES POLÊMICAS | A Universal é a única igreja cristã, seja católica ou evangélica, que apoia abertamente o aborto. Macedo acredita, inclusive, que a Bíblia coloca o aborto como alternativa para a violência, citando: “Se alguém gerar cem filhos […] porém a sua alma não se fartar do bem, […] digo que é melhor do que ele um aborto, pois vem debalde e volta para as trevas” (Eclesiastes 6:3).

NÚMEROS IMPRESSIONANTES | Como autor de livros espirituais, Macedo se tornou um dos escritores mais bem-sucedidos do país, com mais de 10 milhões de exemplares comercializados, enquanto seu blog oficial recebe mais de 4 milhões de visitas por mês. A Igreja Universal conta com 12 mil pastores e 1,8 milhões de fieis ao redor do mundo.