Johnny Depp
Johnny Depp

A ordem de restrição é um recurso legal bem drástico. Com ela, a pessoa contra a qual você está fazendo a reclamação não pode chegar nem perto de você na rua (ou, pelo menos, não intencionalmente).

10 famosos que foram acusados de agredir seus cônjuges

Por isso, é sempre chocante quando famosos são alvos dessas ordens. Confira:

TREY SONGZ | O cantor e rapper é o mais recente famoso a se juntar a nossa lista. Uma mulher que acusa Songz de assédio durante um evento da NBA no último fevereiro conseguiu uma ordem de restrição (por enquanto, temporária) contra ele. A advogada da vítima, cujo nome não foi divulgado, declarou que “incidentes violentos não faltam no passado de Songz para mostrar que a acusação tem credibilidade”.

CHRIS BROWN | É claro que você sabia que Brown ia aparecer nessa lista – o caso em que Rihanna conseguiu uma ordem de restrição válida por cinco anos contra ele ficou famoso após o incidente em que Brown espancou a então namorada, e fotos do rosto machucado de Rihanna foram parar nos tabloides. Isso aconteceu em 2009, mas você sabia que outra ex-namorada de Brown, a modelo Karrueche Tran, também tem uma ordem de restrição contra ele? Pois é, parece que padrões se repetem…

MEL GIBSON | O astro de Coração Valente é outro que tem duas ordens de restrição contra ele na justiça. A primeira da ex-namorada Oksana Grigorieva, que o acusa de agressão doméstica e conseguiu a ordem do juiz em 2010; a segunda de Joye Gibson, sua madrasta, que disse que Mel tentou agredi-la quando os dois discordaram sobre o caminho a tomar no tratamento médico do pai do ator, Hutton Gibson.

EDWARD FURLONG | Você o conhece como o jovem John Connor em O Exterminador do Futuro 2 (1991), mas Furlong não encontrou muito sucesso na carreira depois do filme. Em 2010, ele foi parar nas manchetes novamente ao ser preso por violência doméstica, e sua então esposa conseguiu uma ordem de restrição contra ele. Em 2013, uma segunda mulher, sua namorada na época, conseguiu outra ordem similar.

R. KELLY | O cantor tem um passado sombrio quanto ao seu tratamento de mulheres – em 2008, chegou a ser acusado de estupro de menores, uma acusação que jornalistas e vítimas sustentam até hoje. A ordem de restrição veio antes, no entanto, em 2005, quando sua então esposa Andrea alegou que Kelly havia sido violento durante uma briga. Os dois se separariam naquele ano, mas só finalizariam o divórcio em 2009.

Charlie Sheen

CHARLIE SHEEN | O ex-astro de Two and a Half Men não tem acertado muito nos relacionamentos na última década. Ele foi acusado por duas de suas ex-esposas de comportamento agressivo e abusivo – incluindo a atriz Denise Richards, que conseguiu a sua ordem de restrição em 2006; e Brooke Mueller, que obteve a sua em 2011.

JACK WHITE | A modelo Karen Elson sentiu sua segurança e a de seus filhos ameaçada pela perseguição violenta do frontman do The White Stripes após a separação. Elson conseguiu a ordem de restrição do juiz em 2013, pouco depois do fim do casamento de oito anos com o músico – no entanto, meses depois a modelo retirou as acusações e disse que era tudo obra de seus advogados. Os dois reportadamente são amigos até hoje.

Johnny depp

JOHNNY DEPP | O divórcio de Depp com a atriz Amber Heard, ocorrido durante o ano de 2016, foi cheio de polêmicas – a atriz acusou o ator de agressão doméstica, provendo fotos de seus hematomas e vídeos nos quais Depp é visto agindo de forma errática e violenta. Em meio ao processo, Heard conseguiu também uma ordem de restrição contra Depp.

COLUMBUS SHORT | O ex-astro de Scandal foi demitido da série de Shonda Rhimes em 2014 justamente por causa das acusações de violência doméstica que pesavam contra ele. A ex-esposa de Short conseguiu uma ordem de restrição contra o ator quando os dois estavam em processo de divórcio, alegando que ele agiu de forma agressiva com ela e com os olhos.

Terrence Howard em Empire.
Terrence Howard em Empire.

TERRENCE HOWARD | A ex-mulher do astro de Empire, Michelle Ghent, conseguiu não apenas uma, mas duas ordens de restrição contra o ator. A primeira, em 2011, por conta de incidentes de violência doméstica ocorridos durante o casamento. A segunda, em 2013, graças a ameaças e mensagens agressivas que ele continuava a mandar para ela.

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: CINEMA | FAMOSOS | MÚSICA