Vingadores: Ultimato finalmente está chegando aos cinemas, representando não apenas o desfecho de Guerra Infinita e a nova aventura dos Maiores Heróis da Terra, mas também a culminação de 21 filmes. 

Compondo o que o presidente da Marvel Studios chama de Saga do Infinito, as três fases contaram com filmes variados em estilos e narrativas, contemplando mais de uma década de histórias nas telas. A fim de preparar o leitor para o Ultimato, oferecemos essa retrospectiva dos principais acontecimentos e referências em cada um dos filmes do MCU.

Na sexta parte do especial, vamos relembrar os filmes do Homem-Formiga.


Homem-Formiga (2015)

Scott Lang é o novo Homem-Formiga

Dentre todos os filmes da Marvel Studios, Homem-Formiga é o único onde o protagonista é a segunda pessoa a assumir o manto do herói-título. No caso, temos o Scott Lang de Paul Rudd, que assume o manto do Homem-Formiga de Hank Pym após sair da prisão, usando-o para deter o megalomaníaco Jaqueta Amarela.

A tecnologia de Hank Pym

Um cientista da SHIELD no passado, Hank Pym criou a tecnologia que faz o traje do Homem-Formiga encolher, usando-a em missões secretas na década de 70 ao lado de sua esposa Janet, a Vespa.

Cassie Lang

Scott é um dos poucos heróis do MCU que carrega o manto da paternidade, tendo uma boa relação com sua filha pequena, Cassie. Guardem esse nome, pois nos quadrinhos ela se torna Estatura, uma das integrantes dos Novos Vingadores.

Homem-Formiga enfrenta o Falcão

Uma das missões de Scott no filme é roubar uma peça importante para completar o plano de Hank Pym. O problema é que esse equipamento está localizado na atual base dos Vingadores em Nova York, resultando em uma luta do herói contra o Falcão; conectando o Homem-Formiga com o universo dos heróis pela primeira vez.

O Reino Quântico

A chave para os segredos de Vingadores: Ultimato. O primeiro filme do Homem-Formiga apresenta o Reino Quântico, uma dimensão alcançada quando os heróis atingem um tamanho inferior ao de um átomo, permitindo acesso a um universo microscópico e misterioso – e com vortéxes temporais.

Homem-Formiga e a Vespa (2018)

Hope Van Dyne é a nova Vespa

A cena pós-créditos do primeiro filme já havia estabelecido e a continuação leva a Vespa para o título. A Hope Van Dyne de Evangeline Lilly se torna uma heroína ao lado de Scott Lang, assumindo o manto que sua mãe Janet usou há décadas atrás.

Expedição para o Reino Quântico

A trama de Homem-Formiga e a Vespa envolve Hank Pym organizando uma expedição para o Reino Quântico, dimensão subatômica que Scott acessou no final do primeiro. A intenção do cientista é encontrar sua esposa perdida Janet, que ele acredita ainda estar viva após as informações de seu aprendiz.

Janet Van Dyne

Michelle Pfeiffer se junta ao MCU para interpretar Janet Van Dyne, a Vespa original. Presa por 40 anos no Reino Quântico, ela desenvolveu habilidades especiais de telepatia, que se tornam úteis ao fazer a antagonista Fantasma desistir de suas intenções agressivas.

Scott preso no Reino Quântico

Scott Lang e a família Pym estudavam o Reino Quântico quando o estalo letal de Thanos em Vingadores: Guerra Infinita aconteceu. Scott acabou preso na dimensão subatômica, enquanto Hank, Janet e Hope acabaram desintegrados. Antes da cena acabar, o espectador aprende que o Reino QuÂntico tem “vortexes temporais”, que certamente devem ser a chave para os eventos de Vingadores: Ultimato.

O Homem-Formiga vai retornar em Vingadores: Ultimato, que chega aos cinemas brasileiros em 25 de abril.

Relembre a trilogia Homem de Ferro

Relembre a trilogia Thor

Relembre a trilogia Capitão América

Relembre a trilogia Vingadores