O MCU é uma das franquias mais bem sucedidas de todos os tempos, tanto em crítica quanto em público, mas isso não significa que tudo que a Marvel faz é perfeito. Se considerarmos os filmes da Fox (X-Men e Quarteto Fantástico) que também são baseados em personagens dos quadrinhos da Marvel, os defeitos são simplesmente incontáveis. Existem alguns aspectos – de fora e dentro das telas – que estão irritando até mesmo os nerds mais fanáticos e nós precisamos discutí-los.

O WhatCulture listou 9 coisas em filmes da Marvel que estão começando a irritar os fãs.

Tempo e dinheiro

O MCU lançou 22 filmes até o presente momento e esse número é simplesmente um exagero. Além disso, as entrevistas com os cineastas e atores envolvidos na Marvel indicam que isso está longe de acabar e que a franquia deve seguir nesse ritmo de lançamento de 2 a 3 filmes por ano.


Com a chegada do Disney+, que vai produzir diversas séries da Marvel, e a Fase 4 do MCU, os fãs simplesmente não tem tempo e dinheiro para consumir todo o conteúdo que a Marvel proporciona, o que certamente vai gerar muitos problemas no futuro.

O estereótipo do herói

Apesar de ter diversificado nos últimos anos, a maior parte dos heróis da Marvel ainda consiste de heróis homens e brancos, como o Thor, Bruce Banner, Capitão América, Bucky, Tony Stark, etc. Felizmente, esse problema que parece estar sendo resolvido gradualmente deve acabar na Fase 4 do MCU, que deve dar mais destaque para heroínas como a Capitã Marvel e a Viúva Negra; e para heróis negros e asiáticos, como o Pantera Negra e o Shang-Chi.

Reboots

Sim, os X-Men são personagens cujos direitos cinematográficos pertencem a Fox e não a Marvel, mas como ambas as empresas agora fazem parte da Disney e a junção entre os dois universos vai acontecer em breve, falaremos deles aqui também.

Ninguém aguenta mais os reboots de X-Men e a Marvel sabe disso. E não são só os X-Men que vão passar por isso, as séries da Marvel na Netflix foram – em sua grande maioria – canceladas, o que significa que provavelmente teremos reboots de Demolidor, Luke Cage e Punho de Ferro em um futuro próximo, o que só complica a cabeça do espectador e causa inconsistências na franquia.

Humor fora de hora

A Marvel decidiu estabelecer um tom leve para a maior parte dos seus filmes e isso é até positivo, já que mostra que a franquia está preocupada em ter uma personalidade própria. O problema é que isso nem sempre funciona e em filmes mais sérios – como Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato – algumas piadas acabam acontecendo fora de hora, atrapalhando o envolvimento do espectador em alguns momentos dramáticos.

É claro que isso vai de cada um e muita gente gosta dessa capacidade da Marvel de aliviar os momentos mais traumáticos de seus filmes com uma piada, mas como tudo na vida, também existem aqueles que se incomodam.

Wolverine demais nos filmes dos X-Men

Hugh Jackman foi excelente como Wolverine, mas o fato dele ter aparecido em quase todos os filmes dos X-Men irritou alguns dos fãs mais fanáticos dos quadrinhos da Marvel. As HQs dos X-Men contam com uma infinidade de mutantes que nunca tiveram destaque nas grandes telas – alguns deles nem chegaram a aparecer – e a utilização do Wolverine em abundância atrapalhou isso em alguns momentos.

Com a chegada dos X-Men no MCU e a saída de Hugh Jackman depois de Logan, esperamos que a Marvel aproveite melhor outros mutantes que existem em seu universo.

Personagens mal adaptados

Em geral, a Marvel consegue adaptar seus personagens dos quadrinhos de maneira bem eficiente, como foram os casos do Homem de Ferro, Capitão América, Homem-Aranha, Wolverine e tantos outros. Porém, alguns personagens icônicos deixaram a desejar a já passou da hora deles serem adaptados da maneira respeitosa que merecem.

O Ciclope é um dos personagens mais icônicos dos X-Men e ele simplesmente não consegue ser adaptado corretamente para os cinemas. O Mandarim, vilão clássico da Marvel também pode ser colocado nesta lista. Esperamos que a Fase 4 da Marvel corrija esses erros e traga uma versão mais digna desses personagens.

Personagens que não morrem

Vingadores: Ultimato foi bem corajoso em matar o Homem de Ferro e a Viúva Negra, dois heróis que sempre foram protagonistas, mas ainda assim, está claro que alguns heróis da Marvel são imunes a um destino definitivo.

Depois de morrer em Vingadores: Guerra Infinita, Loki foi trazido de volta pela Marvel logo no filme seguinte como uma versão alternativa do personagem. Sim, ele é carismático e interessante, mas a Marvel tem um arsenal de vilões gigantesco em seus quadrinhos e está na hora de usá-los. A mesma coisa deve acontecer com o Visão, que morreu em Vingadores: Guerra Infinita mas vai voltar a vida em WandaVision no Disney+.

Vilões horríveis

Doutor Destino, Apocalipse, Mandarim…. Esses são alguns exemplos de vilões icônicos dos quadrinhos da Marvel que foram adaptados de forma insatisfatória para os cinemas. Sim, Magneto, Thanos e Loki são ótimos vilões; mas isso não apaga os erros cometidos tanto pela Marvel quanto pela Fox, que custaram a encontrar uma maneira de adaptar seus vilões de maneira correta.

Filmes pouco importantes

Nem todo filme precisa ser essencial para ser divertido, mas a Marvel acaba perdendo a mão muitas vezes no quesito prioridades. Filmes como Homem de Ferro 2 e Homem-Formiga e a Vespa servem apenas para preparar o terreno para filmes maiores – no caso Os Vingadores e Vingadores: Ultimato – o que pode acabar sendo um desperdício do tempo e dinheiro dos fãs. Sim, eles são filmes divertidos que tem elementos importantes, mas estão longe de ser o prato principal.

Vingadores: Ultimato e X-Men: Fênix Negra seguem em exibição nos cinemas.