Vingadores: Ultimato é um sucesso absoluto. O filme mais esperado do ano não decepcionou e trouxe conclusões satisfatórias para a Saga do Infinito e seus personagens. Com tudo isso, desde que o filme saiu, os cineastas envolvidos tem divulgado alguns detalhes de bastidores que tornaram o longa ainda mais interessante.

O ScreenRant listou 10 detalhes de bastidores que tornam Vingadores: Ultimato ainda melhor.

A morte silenciosa de Tony Stark foi uma ideia de Downey Jr

Quando o ator Robert Downey Jr descobriu sobre a morte de Tony Stark em Vingadores: Ultimato ele pediu para que o personagem não tivesse diálogos nessa cena. Essa escolha criativa acabou sendo bem efetiva, já que a cena foi pouco expositiva e mostrou apenas as reações de Pepper, Peter e todos aqueles que o amavam. Algumas coisas não precisam ser ditas em palavras e o olhar triste e silêncioso de Tony Stark disse tudo nessa cena.


Logo da Marvel Studios.

Os personagens “Dizimados” foram removidos do logo da Marvel

Esta curiosidade é bem pequena e passou despercebida por muita gente, mas não deixa de ser interessante. O logo da Marvel exibido na abertura de Vingadores: Ultimato foi diferente do habitual.

Durante todo o MCU, o logo era preenchido por várias cenas dos super-heróis em diversos filmes, mas em Vingadores: Ultimato, a Marvel decidiu excluir cenas dos personagens “Dizimados” por Thanos em Vingadores: Guerra Infinita.

Tom Holland achou que o funeral de Tony Stark era um casamento

Durante as filmagens de Vingadores: Ultimato, os atores receberam a informação de que estavam filmando uma cena de casamento no final do filme, quando na verdade a cena se tratava do funeral de Tony Stark. Essa informação foi confirmada por Tom Holland, o Homem-Aranha, em entrevista a um talk show britânico. É claro que isso não impediu Holland – conhecido por falar demais – de dar spoilers sobre a morte de Tony Stark para seus colegas de elenco em Homem-Aranha: Longe de Casa.

Chris Hemsworth defendeu o ganho de peso de Thor

Um dos aspectos mais controversos de Vingadores: Ultimato é a aparência de Thor, já que o personagem ganha muito peso durante o salto no tempo de cinco anos e isso vira uma espécie de piada durante o filme.

Originalmente, o roteiro de Vingadores: Ultimato dizia que Thor ia recuperar sua antiga forma durante a história, mas o intérprete do personagem, Chris Hemsworth, defendeu a ideia de que Thor deveria manter seu peso até o fim do filme, o que acabou passando uma bela mensagem de autoaceitação.

Robert Redford saiu da aposentadoria para participar do filme

As viagens no tempo de Vingadores: Ultimato trouxeram de volta diversos personagens antigos do MCU e um deles é Alexander Pierce, interpretado pelo lendário Robert Redford. O curioso é que Redford havia aposentado como ator depois de The Old Man and the Gun (2018), mas decidiu voltar para participar mais uma vez do MCU. Outra curiosidade é o fato desta ser a única vez na carreira de Redford em que ele interpretou um mesmo personagem pela segunda vez.

Um dos editores teve a ideia da frase final de Tony Stark

Na versão original do roteiro de Vingadores: Ultimato, o momento em que Tony Stark estala os dedos e elimina Thanos para sempre seria bem anticlimático, já que o Homem de Ferro faria isso sem falar sequer uma palavra.

Felizmente, o editor de Vingadores: Ultimato, Jeff Ford salvou a cena, sugerindo que Tony repetisse a icônica frase “Eu sou o Homem de Ferro”, dita no filme que inaugurou o MCU, o primeiro Homem de Ferro, de 2008.

A aparição de Stan Lee é uma referência a sua história com quadrinhos

Em Vingadores: Ultimato temos uma das últimas aparições do lendário Stan Lee no MCU. Nesta cena em que ele aparece dirigindo perto da base de Camp Lehigh, seu carro exibe um adesivo que faz uma referência as cartas que ele escrevia nos quadrinhos da Marvel.

A frase “Nuff said”, estampada no adesivo do carro de Vingadores: Ultimato, era utilizada por Stan Lee nos editoriais em que ele respondia os fãs. Em tradução livre, a frase significa algo como “Já disse o suficiente” ou “Por hoje é só”.

Chris Evans contou para Anthony Mackie que ele seria o novo Capitão América

Em uma entrevista, o ator Anthony Mackie, o Falcão de Vingadores: Ultimato, revelou que Chris Evans contou para ele pessoalmente que Sam Wilson seria o novo Capitão América. A conversa aconteceu na casa de Chris Evans e envolveu bebidas, risadas e até mesmo lagrimas segundo o ator.

Jeremy Renner não fazia ideia do que estava acontecendo na primeira cena de Ultimato

A cena de abertura de Vingadores: Ultimato é bem impactante, já que temos o Gavião Arqueiro perdendo sua família depois do Estalo de Thanos. Porém, o ator Jeremy Renner revelou em uma entrevista que simplesmente não entendeu a cena durante as gravações.

“Eu não sabia o que estava acontecendo, eu não sabia mesmo. Eu não sabia nada sobre o que tinha acontecido em Guerra Infinita e sobre todas as pessoas virando pó, eu simplesmente não tinha ideia”, revelou o ator de Vingadores: Ultimato.

“Te amo 3000”

A história por trás da frase “Te amo 3000”, dita por Morgan Stark para seu pai em Vingadores: Ultimato é bem fofa. A frase foi uma ideia de Robert Downey Jr, que ouviu isso de um de seus filhos e achou que seria interessante incorporar ela no filme. No fim das contas, essa acabou sendo uma das frases mais icônicas de Vingadores: Ultimato, ou seja, mais um ponto para Downey Jr.

Vingadores: Ultimato segue em exibição nos cinemas. Próximo filme da Marvel, Homem-Aranha: Longe de Casa estreia no dia 4 de julho.