Euphoria é a nova série original da HBO, e já chegou trazendo polêmica com seu conteúdo gráfico e controverso. Isso só no primeiro episódio.

Enquanto esperamos pelo próximo episódio da série estrelada por Zendaya, separamos aqui as cenas mais chocantes da estreia de Euphoria.

Confira abaixo.


Pênis ereto

Muito se falou sobre o fato de que Euphoria traria imagens de pênis eretos em sua narrativa. É algo normal para pornografia, mas extremamente ousado e transgressor para a televisão fechada, e a série traz uma cena assim logo em seu piloto. Tudo bem que o órgão aparece desfocado e não era de verdade, mas ainda é algo impactante para a TV.

Sexo com menor de idade

Uma das cenas de Euphoria que mais nos deixou incomodados foi quando Jules tem um encontro com um homem bem mais velho. É a atmosfera tensa da cena, onde não sabemos se a relação acabará de uma forma violenta, afinal não conhecemos o personagem – e o sexo ocorre de forma fria e quase agressiva, ainda que não exatamente gráfica.

Pornografia explícita

Quando a narração de Rue explica como vídeos de sufocamento são alguns dos mais procurados em sites pornográficos, Euphoria faz questão de mostrar. Temos uma montagem rápida de clipes explícitos de vídeos pornográficos, ilustrando todos os atos peculiares que a protagonista descreve.

Como burlar teste de urina

Há quem diga que seria imoral para uma obra de ficção ensinar o passo a passo de como se burlar um teste de urina – mas a mesma crítica foi feita para Clube da Luta, que traz um tutorial de Napalm. Em Euphroia, Rue explica o que deve ser tomado para eliminar substâncias ilícitas do corpo e passar em um teste de urina.

Drogas

O tema central de Euphoria envolve a jovem Rue e sua saída de uma clínica de reabilitação. O resultado parece não ajudar, já que a personagem de Zendaya usa drogas em diversas partes do episódio, com o exemplo mais chocante sendo a incrível cena em que o cenário de uma casa começa a girar.

Auto mutilação 

Em uma das cenas mais intensas do primeiro episódio, Euphoria traz uma situação incomum. Quando Jules é ameaçada por um dos adolescentes agressivos, ela reage ao pegar uma faca e cortar seu próprio braço, assustando seu agressor e todos os demais na festa. E também o espectador, na ponta da cadeira.