Tudo começou em 2008 com Homem de Ferro, estrelado por Robert Downey Jr. como o bilionário egoísta transformado em super-herói Tony Stark. O filme foi uma aposta enorme para a Marvel na época, e teria fechado a empresa se tivesse fracassado.

Desde então, o MCU teve mais de 22 lançamentos nos cinemas, sendo o mais recente Homem-Aranha: Longe de Casa. Mas a verdade é que, por escolhas que quase foram feitas há alguns anos, o MCU poderia ter sido muito diferente.

Aqui te contamos dez coisas que quase aconteceram e teriam mudado a Marvel para sempre.


Homem-Formiga teria sido lançado muito antes

Homem-Formiga foi originalmente concebido para se tornar parte do MCU muito antes, com um filme escrito e dirigido por Edgar Wright, famoso por Todo Mundo Quase Morto e Em Ritmo de Fuga.

A versão de Wright estava em estágios de planejamento desde 2006, mas o cineasta abandonou o projeto em 2014. Se Wright tivesse feito o filme nos primeiros dias do MCU, Homem-Formiga provavelmente estaria em Os Vingadores e se tornaria uma parte significativa na fundação do grupo como nos quadrinhos.

Jon Favreau dirigindo Os Vingadores

Jon Favreau dirigiu os dois primeiros filmes do Homem de Ferro e foi essencial para o sucesso da franquia nos bastidores. Ele também é reconhecido por interpretar Happy Hogan. Ele optou por não dirigir Os Vingadores quando recebeu o convite.

Se tivesse feito, o filme teria focado mais no Homem de Ferro do que no conjunto bem equilibrado. Teorias circulam que ele não aceitou a proposta da Marvel por causa da recepção morna e falta de controle criativo em Homem de Ferro 2.

Abominável em Vingadores: A Era de Ultron

O Incrível Hulk parece separado do MCU por causa do ator diferente no papel principal. No entanto, William Hurt ainda aparece em filmes da Marvel, incluindo Vingadores: Ultimato.

Houve também uma época em que Abominável teria aparecido em Vingadores: A Era de Ultron. Esse filme já era cheio de vilões, então faz sentido porque eles não adicionaram mais um.

Obadiah Stane sobreviveria em Homem de Ferro

O roteiro original de Homem de Ferro fazia com que o vilão sobrevivesse à sua derrota. Essa mudança aconteceu mais tarde na produção, e Jeff Bridges não descobriu sobre o destino final do personagem até que a cena foi filmada (o que o deixou bem frustrado).

Imagine Obadiah se unindo a Loki ou Ivan Vanko. Teria ajudado a construir a lista de vilões do MCU desde o início, levando a um escopo muito mais amplo em termos de construção de mundo.

Capitã Marvel em Vingadores: A Era de Ultron

Capitã Marvel é uma das personagens mais poderosas da Marvel.

Joss Whedon pensou em colocá-la em Vingadores: A Era de Ultron, e até gravou algumas cenas de teste para ela, mas acabou deixando-a fora de um filme que já estava lotado de novos rostos.

Nova em Guardiões da Galáxia

Nova é popular entre os fãs de quadrinhos, mas praticamente desconhecido para todos os outros. Isso poderia ter mudado em 2014, quando o personagem foi escalado para aparecer em Guardiões da Galáxia.

O plano não foi realizado, mas a inclusão da Tropa Nova significa que a porta está sempre aberta para a introdução do herói no futuro.

Capitão América em O Incrível Hulk

Capitão América não apareceu até seu filme de 2011, mas existem vários indícios de sua existência nos filmes anteriores. Uma pista importante de seu paradeiro foi filmada em O Incrível Hulk, mas cortada do produto final.

A cena envolveu Bruce indo para o ártico para acabar com sua vida, mas falhando. Em uma cena, o corpo congelado de Capitão América seria visível por apenas um momento.

Mandarim em Homem de Ferro

As pessoas ficaram divididas sobre a representação do Mandarim em Homem de Ferro 3, mas foi uma interpretação bem moderna do personagem, reconhecendo os temores de conflitos estrangeiros que deram origem ao personagem em primeiro lugar.

O vilão deveria aparecer no primeiro Homem de Ferro e Obadiah seria apenas um antagonista secundário.

Edward Norton em Os Vingadores

Edward Norton adora o Hulk e teve toneladas de controle criativo sobre O Incrível Hulk. É provavelmente por isso que ele foi reformulado para Os Vingadores.

Se tivesse permanecido a bordo, suas demandas absurdas e intrusões no roteiro teriam desencadeado conflitos e o filme teria sido algo mais parecido com O Incrível Hulk: Vingadores.

Norton sempre foi conhecido por ser um ator problemático e difícil de se trabalhar em equipe.

Joss Whedon na direção de Guerra Infinita e Ultimato

Joss Whedon fez o impossível e amarrou cinco filmes e quatro super-heróis juntos para um time incrível. A experiência o deixou completamente exausto, mas ele conseguiu fazer mais uma vez com Vingadores: A Era de Ultron.

Ele simplesmente não conseguiu fazer isso pela terceira vez, e passou o bastão para Joe e Anthony Russo. Se ele tivesse ficado por perto, a culminação de dez anos de filmes teria sido completamente diferente.

Você sabe como Vingadores: Ultimato preparou o terreno para as séries do MCU? Descubra TUDO o que sabemos sobre as séries da Disney+ e muito mais no Observatório de Séries.