Vingadores: Ultimato segue dando o que falar, especialmente depois de seu relançamento, que deve colocar o filme no caminho para se tornar a maior bilheteria da história do cinema. Com todo esse sucesso, é quase certo afirmar que teremos um Vingadores 5, não é mesmo?

O ScreenRant listou os 5 motivos pelo qual Vingadores 5 vai acontecer.

Dinheiro

Esse é certamente o motivo mais óbvio de todos. Os dois primeiros Vingadores lucraram mais de US$ 1 bilhão. Guerra Infinita e Ultimato se saíram ainda melhor, lucrando mais de US$ 2 bilhões. O que tudo isso significa? Significa que a franquia Vingadores dá dinheiro e que a Marvel não deve abrir mão disso tão cedo.


Todo mundo ama os Vingadores

Os filmes dos Vingadores são simplesmente a realização dos sonhos de qualquer fã de quadrinhos. Assistir os heróis das HQs se encontrando nas grandes telas é algo que muitos nunca imaginaram que fosse possível – e agora é. É por isso que as pessoas amam esses filmes e é por isso que a franquia Vingadores deve continuar forte nos cinemas.

Novos personagens no MCU

Novos personagens, como Shang-Chi e Os Eternos, estão chegando no MCU – assim como os X-Men e o Quarteto Fantástico em algum momento. Mesmo assim, para estarem totalmente integrados neste universo, esses personagens precisam participar de um filme dos Vingadores. Por isso, Vingadores 5 se torna cada dia mais necessário, já que ele é a oportunidade que a Marvel tem de reunir todos os seus personagens em um filme épico.

Inimigos poderosos demais

Os Vingadores existem para que os super-heróis não precisem enfrentar vilões poderosos demais sozinhos. Vilões como o Abutre podem ser derrotados por apenas um herói, mas vilões como Thanos, Galactus e Doutor Destino precisam de um esforço e de uma cooperação maior para serem derrotados.

Se a Marvel continuar introduzindo vilões poderosos – e ela vai – os Vingadores continuarão sendo necessários.

Os Vingadores são a base do MCU

Todos os filmes do MCU estão conectados, mas são os filmes dos Vingadores que dão base para tudo. Todos podem ter suas aventuras individuais, mas é em Vingadores que os heróis mostram que fazem parte do mesmo universo.

Steve Rogers e Tony Stark estão fora de cena, mas Vingadores 5 tem que existir para que os novos personagens se mostrem unidos dentro do MCU, mais uma vez.

A nova versão de Vingadores: Ultimato, que conta com cenas extras, está em exibição nos cinemas brasileiros.