O Universo Marvel está ficando maior a cada ano, com mais conexões entre os vários Vingadores, o Homens de Ferro e os Guardiões da Galáxia.

Inevitavelmente, quanto mais complicadas forem as coisas, maiores serão as inconsistências e os buracos no roteiro.

Aqui, listamos dez desses maiores furos que simplesmente não podemos ignorar.


Bifrost destruída

O grande clímax emocional de Thor envolve a destruição da Bifrost, que liga Asgard à Terra. O deus do trovão foi separado de sua nova amada, Jane Foster, e é muito claro que ele nunca mais a veria novamente.

No entanto, em Os Vingadores, ele está de volta à Terra com apenas uma menção de “energia escura” para explicar sua presença. A Bifrost é consertada a tempo de sua continuação, Thor: O Mundo Sombrio, sem explicação, e toda a confusão nunca mais é mencionada.

Como as partículas Pym funcionam mesmo?

Em Homem-Formiga, Hank Pym afirma que suas partículas Pym reduzem objetos a “distância entre os átomos”. Está tudo bem até que você começa a se perguntar como as partículas permitem que as pessoas acessem o Reino Quântico subatômico.

Se os espaços entre os seus átomos estão mudando, mas os átomos permanecem do mesmo tamanho, você não poderia se tornar menor do que um átomo. Se os objetos são encolhidos, eles ficam cada vez mais densos.

Thanos entrega sua única Joia do Infinito

Como já mencionado, Thanos tem uma queda pelas Joias do Infinito. De fato, a fim de colocar as mãos no Tesseract, ele obtém a ajuda de Loki, um vilão com uma história de derrota nas mãos de super-heróis. Ele deve ter fortalecido seriamente seu currículo, porque Thanos até entrega um cetro mágico para ajudar a Loki a fazer o trabalho.

Esse cetro apenas contém a Joia da Mente, a única Joia do Infinito que Thanos tem em sua coleção. Naturalmente, Loki prontamente perde isso.

A questão é: por que diabos Thanos deu sua única Joia do Infinito? Ele sabia que o cetro a continha!

Drax é totalmente literal – às vezes

Drax dos Guardiões da Galáxia é estabelecido como sendo de uma raça que é “completamente literal”. Ele não consegue entender metáforas.

É claro que isso não o impede de se referir a Gamora como uma “prostituta” e “bruxa”, e concordar com seus aliados em “não estar nem aí” – todas essas são metáforas. Drax oscila descontroladamente.

O problema da fonte de energia do Homem de Ferro

Para energizar seu traje e impedir que estilhaços entrassem em seu coração e o matassem, Tony Stark e o Dr. Ho Yinsen criaram um reator arc em miniatura e o colocaram em seu peito.

Isso é usado para alimentar o traje original do Homem de Ferro que o ajuda a escapar do grupo terrorista Dez Aneis, e os trajes subsequentes tiram proveito de um reator mais poderoso e atualizado.

Com uma fonte de energia limpa ilimitada em seu peito, por que uma parte significativa de Homem de Ferro 3 o envolve correndo em volta de uma pequena cidade do Tennessee enquanto sua armadura é recarregada lentamente por uma bateria de carro em uma garagem?

Ego absorve a Terra… às escondidas

O clímax do enredo de Ego em Guardiões da Galáxia Vol. 2 envolve a ativação de plantas que ele escondeu em planetas através do universo para assimilá-las em si mesmo. Um desses planetas não é outro senão a Terra.

Então por que nenhum Vingador reage à onda gigante de lama azul que engole uma cidade e ameaça levar o resto do mundo com ela?

Ninguém aparece, e esse grande evento não é mais mencionado em nenhum outro filme da Marvel.

A busca de Thor pelas Joias do Infinito

Lembre-se daquela visão que Thor teve em Vingadores: A Era de Ultron? A cena incomodou tanto o diretor Joss Whedon que ele decidiu não trabalhar mais para a Marvel. Sim, foi uma decisão do estúdio.

A visão de Thor e sua subsequente decisão de procurar as Joias do Infinito foram basicamente ignoradas em Thor: Ragnarok, além de uma referência passageira que não faz sentido.

De acordo com o Thor de Ragnarok, ele tentou encontrar as Joias, não conseguiu e desistiu. Mas em A Era de Ultron, ele parecia ter informações bastante detalhadas – ele até sabia quantas Joias do Infinito existiam por aí.

Problemas da linha temporal de Doutor Estranho

Por causa de algumas coisas esquisitas, fãs dizem que Doutor Estranho aconteceu no ano de 2020 – graças ao raio X de Pangborn sendo registrado em 9 de dezembro de 2014.

Os fãs da Marvel fizeram algumas contas de matemática e concluíram que Pangborn teria levado pelo menos seis anos para poder jogar basquete novamente, permitindo que Doutor Estranho o encontrasse na quadra.

Se Doutor Estranho aconteceu depois de 2014, por que o cirurgião é apontado como uma pessoa de interesse em Capitão América: O Soldado Invernal, que também acontece em 2014?

Não é como se a jornada de Strange para se tornar um mestre da magia fosse parte de qualquer grande plano. Foi tudo bastante acidental.

Homem-Aranha: De Volta ao Lar acontece “oito anos depois de Os Vingadores

Homem-Aranha: De Volta ao Lar começa em 2012, durante operação de limpeza após os Vingadores salvarem o mundo. Então, um título nos diz “oito anos depois”, o que significa que os eventos do longa acontecem em 2020, o que, assim como Doutor Estranho, mexe completamente com a linha temporal.

O Universo Marvel já operou sob a suposição geral de que seus filmes são ambientados nos dias atuais, então mudar as coisas para o futuro e esticar a linha do tempo pode causar alguns problemas sérios com a configuração dos filmes.

O co-diretor de Vingadores: Ultimato, Joe Russo, chegou a falar sobre o salto temporal, admitindo que “foram oito anos muito incorretos”.

Pantera Negra repensa suas políticas

Em Capitão América: Guerra Civil, Wakanda concorda os acordos de Sokovia. Como o rei T’Chaka diz pouco antes de explodir: “O sangue de nosso povo é derramado em solo estrangeiro, não apenas por causa das ações de criminosos, mas pela indiferença daqueles que se comprometeram a detê-los. A vitória às custas dos inocentes é não é uma vitória completa.”

Tudo fica confuso porque, em Pantera Negra, T’Challa embarca em uma luta em um cassino, que continua em uma perseguição explosiva que quase certamente envolveu mortes de inocentes. Realmente não combina com as várias cláusulas dos acordos de Sokovia.

Além disso, a decisão de Pantera Negra de matar o Soldado Invernal em Guerra Civil o deixa mais próximo de Killmonger do que a versão de T’Challa que vemos em seu filme solo.