A Netflix dominou o mercado dos streamings por muitos anos. Com o passar do tempo, serviços concorrentes como a Amazon e Hulu, começaram a incomodar a plataforma.

Agora, são inúmeras as plataformas de streamings, e cada uma delas investe em uma estratégia para bater a gigante Netflix. Finalmente, a plataforma deve ganhar um adversário à altura: o Disney +.

A Disney anunciou há algum tempo que planejava lançar sua plataforma de streaming original ainda este ano. O empreendimento pode finalmente destronar a Netflix.


Confira abaixo 5 motivos pelos quais o Disney + vai superar a Netflix:

Preço

Ainda não se sabe quanto vai custar o Disney + no Brasil. O serviço de streaming ainda nem tem previsão de estreia em nosso país. Nos Estados Unidos, no entanto, o preço da assinatura da plataforma será menor que o da Netflix. Lá, o Disney + vai custar cerca de 7 dólares por mês, ou 70 dólares por ano. O plano mais básico da Netflix custa 9 dólares por mês, podendo chegar até a 16 dólares dependendo do número de telas.

Melhores filmes

O Disney + vai contar com todas as franquias de filmes da empresa. Entre elas, o MCU, a saga Star Wars (incluindo os novos filmes), todas as animações da Pixar, o catálogo completo de filmes animados da Disney, e seus remakes em live-action. A Netflix também enfrenta outro problema: grandes estúdios como a Warner não estão renovando o contrato de transmissão de seus filmes, já que estão criando serviços de streaming particulares. Com o tempo, a plataforma deve perder grande parte de seu catálogo de filmes.

Conteúdo original

Investindo pesado em séries originais, o Disney + já anunciou diversos projetos que parecem bons demais para passarem batidos. Entre eles, um filme de Phineas e Ferb, uma série de High School Musical e várias séries ambientadas nos Universos da Marvel e de Star Wars.

Dinheiro não é problema

Enquanto a Netflix tenta aumentar o preço das assinaturas para assegurar lucros, a Disney tem dinheiro suficiente em caixa para investir bilhões de dólares em seu novo serviço de streaming. Mais dinheiro, no entanto, nem sempre garante um produto melhor. Mesmo assim, na área financeira, a Disney conta com uma grande vantagem.

É a Disney!

É difícil lembrar de uma má decisão comercial tomada pela Disney. A companhia comprou a Lucasfilm e já garantiu de volta mais que todo o lucro da trilogia de Star Wars na Fox com apenas um filme. Quando a Disney percebeu que a Pixar estava superando suas animações, apenas comprou a produtora. Tempos depois, quando os filmes da Marvel começaram a dominar as bilheterias, a Disney também comprou os Estúdios Marvel. A Disney é uma verdadeira companhia canibal. Ela compra e consome empresas menores, integrando-as à sua enorme lista de propriedades. Não é algo de outro mundo pensar que no futuro a Disney possa comprar a Netflix.

O Disney + será lançado nos Estados Unidos em 2 de novembro de 2019.