Iniciada há 37 anos, a franquia Rambo é uma das joias na coroa de Sylvester Stallone, um dos grandes astros de ação do cinema americano. Com a estreia de Rambo: Até o Fim, que promete ser a aventura derradeira do personagem, é hora do ranking.

Abaixo, ranqueamos de pior para melhor os cinco filmes da franquia do veterano John Rambo.

Confira abaixo.


5. Rambo: Até o Fim

Os trailers do quinto filme prometiam uma abordagem mais sóbria e dramática, talvez mirando no sucesso de Logan. O que tivemos é uma das piores produções que Sylvester Stallone já estrelou, e que mal parece um filme de Rambo, mas sim um roteiro genérico de cartel mexicano qualquer que poderíamos encontrar diretamente para DVD nos anos 2000. Um filme desastroso, e que encerra de forma podre a saga do personagem.

4. Rambo IV

Dois anos depois de trazer Rocky Balboa para um último round, Stallone fez o mesmo com o quarto filme de Rambo. Mais velho e violento, o filme de 2008 impressiona pela violência e o gore, mas sofre com a direção bem mediana de Stallone, e também com uma trama que não envolve por tentar se levar a sério demais – o clima mais despretensioso dos dois filmes anteriores fez falta.

3. Rambo III

Seguindo a linha de seu antecessor, Rambo III aposta bem mais na aventura e ação desenfreada do que no drama existencial do original. O resultado é um roteiro que não liga nem um pouco para geopolítica ou questões relevantes, mas que traz uma narrativa bem resolvida ao focar na missão de Stallone para resgatar seu mentor, Trautman.

2. Rambo II: A Missão

O primeiro Rambo não é exatamente o tipo de filme que deixa portas abertas para uma continuação, e ter o herói voltando a propagar a violência que tanto negou no original é uma decisão estranha. De qualquer forma, o segundo filme encanta por algumas boas cenas de ação, principalmente aquele envolvendo uma pereguição de helicópteros.

1. Rambo: Programado para Matar

Não existe nenhuma outra resposta. O nível de qualidade que separa o primeiro Rambo de suas continuações é um grande abismo, e o clássico de 1982 permanece impecável. É um filme onde o drama funciona melhor e a jornada de John Rambo se mostra como mais identificável, e que garante uma crítica duradoura à brutalidade da guerra e seus efeitos duradouros.

Qual é o seu filme preferido da franquia Rambo?