Marvel e DC têm dominado grande parte da cultura pop nos últimos anos não só com quadrinhos e animações, mas principalmente com seus filmes.

Sucessos financeiros, os longas de ambos os estúdios também apelam para momentos polêmicos e chocantes para atraírem a atenção dos fãs.

Abaixo, listamos os acontecimentos mais controversos nos filmes da Marvel e DC nos últimos anos.


Coringa e Arlequina – Esquadrão Suicida

Arlequina sempre foi tratada nos quadrinhos como vítima de abusos físicos e mentais feitos pelo Coringa.

No entanto, o filme Esquadrão Suicida decidiu mudar essa essência, com o vilão realmente parecendo se importar com Harley.

As cenas abusivas foram quase todas cortadas – embora muitas delas estivessem nos trailers – com o Coringa até resgatando sua amada no final.

A morte de Gamora – Vingadores: Guerra Infinita

Vingadores: Guerra Infinita revelou o preço terrível que deve ser pago pela Joia da Alma, e o fez de uma maneira bastante perturbadora.

O filme estabeleceu que qualquer pessoa que desejasse adquirir a Joia deveria sacrificar alguém que amava, e a única pessoa pela qual Thanos aparentemente tinha sentimentos era Gamora.

A cena da morte foi emocionante e muito impactante, mas gerou polêmica pois muitos acreditam que Thanos não a amava de verdade, e apenas usou a personagem para seu plano.

A morte de Viúva Negra – Vingadores: Ultimato

Outra morte chocante, dessa vez em Vingadores: Ultimato, foi a de Viúva Negra, que se sacrificou em Vormir em frente ao seu amigo, o Gavião Arqueiro, para conseguir a Joia da Alma.

Apesar da morte impactante, a personagem acabou sendo extremamente subdesenvolvida durante o MCU, tendo bem menos importância do que deveria, e partindo sem ao menos participar da batalha mais importante deste universo.

A visão de Bruce Wayne – Batman vs Superman

Batman vs Superman é facilmente um dos filmes de super-herói mais controversos já feitos, e a sequência da visão de Bruce Wayne é o momento mais confuso da trama.

Na cena, Bruce adormece e sonha com um futuro apocalíptico onde Superman se tornou um vilão e Darkseid conquistou o planeta. Em seguida, encontra Flash, que salta no tempo com um aviso misterioso.

A cena não se conecta com nada no filme, mas pretendia criar uma narrativa que se desenvolveria em Liga da Justiça. No entanto, Zack Snyder foi demitido da direção, os planos mudaram, e talvez nunca saibamos o que iria acontecer.

Sexo entre Batman e Batgirl – A Piada Mortal

Em geral, os filmes animados da DC são de alta qualidade e amados pelos fãs – mas A Piada Mortal é uma exceção.

A animação adaptou o aclamado arco dos quadrinhos de Alan Moore, mas acrescentou uma subtrama de romance totalmente desnecessária entre Batgirl e Batman.

O cúmulo de tudo foi uma cena de sexo em um telhado, na qual Batgirl monta no Cavaleiro das Trevas. Os fãs odiaram o momento, visto que Batman sempre foi um mentor da heroína.

A cena da moto – Capitã Marvel

Capitã Marvel se tornou um filme divisor de opiniões não só pela sua mensagem pró-feminismo, mas principalmente pela atuação de Brie Larson, que foi muito criticada por não apresentar muitas expressões.

Uma cena que seria simbólica para a mensagem de poder feminino na trama, acabou ironicamente sendo cortada justamente por um diálogo que reforçaria a falta de expressões da atriz.

Na cena, a heroína é assediada por um motociclista, que brinca sobre como ela não está sorrindo (um dos pontos pelo qual Larson mais foi criticada). Em resposta, a Capitã humilha o homem, pega sua moto e jaqueta, e vai embora.

A destruição de Metropolis – O Homem de Aço

Se nos quadrinhos o Superman sempre prezou pela segurança da humanidade, em O Homem de Aço as coisas foram diferentes.

Na batalha final contra Zod, o herói parece não se importar com toda a destruição causada, tudo feito para dar contornos mais épicos para o confronto.

Se visualmente a cena realmente impressiona, por outro lado foi duramente criticada pela deturpação de uma das principais características do personagem.

Oito anos depois – Homem-Aranha: De Volta ao Lar

Apesar de ser uma das franquias de maior sucesso da história, o Universo Cinematográfico Marvel obviamente possui alguns erros.

A maioria deles foram ignorados pela boa vontade dos fãs que se atentam aos muitos pontos positivos, mas um desses erros foi imperdoável.

Em Homem-Aranha: De Volta ao Lar é mostrada uma mensagem de que o filme se passa 8 anos após Os Vingadores, quando na verdade, haviam se passado apenas 4.

Batman mata – Batman vs Superman

Se nos quadrinhos o Homem Morcego tem como uma de suas principais regras não matar ninguém, Batman vs Superman acabou com isso.

O filme apresenta um herói que havia perdido sua esperança na humanidade, e não se importava em aniquilar quem cruzava seu caminho, utilizando até armas de fogo em suas ações.

Superman quebra o pescoço de Zod – O Homem de Aço

O confronto final entre Superman e General Zod chegou a um fim dramático quando Kal-El quebrou o pescoço do oponente.

O diretor Zack Snyder estava tentando apresentar um novo Superman inexperiente, mas parte do público não gostou da ideia.

A morte de Zod acabou se tornando uma das cenas mais controversas já feitas em filmes super-heróis.

O bigode de Henry Cavill – Liga da Justiça

Liga da Justiça passou por vários problemas de produção, sendo o principal deles a demissão do diretor Zack Snyder, que foi substituído por Joss Whedon.

O novo comandante regravou grande parte do filme, mas esbarrou em um grande empecilho: o bigode que Henry Cavill estava usando para Missão: Impossível.

Como não poderia mudar o visual, Cavill gravou as novas cenas com o bigode, que foi removido digitalmente. O resultado foi um fracasso visual, e tivemos vários momentos onde o Superman apresenta expressões bizarras.

Mandarim – Homem de Ferro 3

Um dos maiores erros de todo o Universo Cinematográfico Marvel foi o Mandarim em Homem de Ferro 3. No final da trama, descobrimos que o personagem era apenas um ator disfarçado.

Os fãs não gostaram nem um pouco do plot, e a Marvel gravou inclusive um curta como pedido de desculpas, garantindo que o verdadeiro Mandarim ainda estava por vir.

Felizmente, o personagem deve realmente aparecer em sua verdadeira forma em Shang-Chi, filme que está sendo desenvolvido pelo estúdio.

Martha – Batman vs Superman

Batman vs Superman viu os dois maiores heróis da DC se enfrentarem e, no final, quando o Homem Morcego mataria Kal-El, Superman clamou para Batman salvar sua mãe, Martha.

Ao ouvir o nome, o mesmo de sua falecida mãe, Bruce Wayne desiste de matar seu oponente e reavalia todas as ações que havia tomado.

O problema é que o Batman é o maior detetive do mundo, então se torna inamissível que até Lois Lane saiba mais sobre seu adversário do que o Homem Morcego.

Além disso, também não faz sentido o fato de o Superman ter clamado para Batman salvar Martha, ao invés de dizer algo como “salve minha mãe”.

A cena acabou se tornando muito controversa e é até hoje debatida por fãs de filmes de super-heróis.