A Netflix é sem sombra de dúvidas a líder das plataformas de streaming da atualidade, conquistando assinantes, fãs e seguidores fanáticos no mundo inteiro. Mesmo assim, até os adoradores mais exaltados da plataforma podem concordar que ela não é perfeita.

Perdendo um grande número de assinantes nos últimos tempos e se preparando para a verdadeira guerra dos streamings, a Netflix está se aproximando de um dos períodos mais difíceis de sua história.

Confira abaixo alguns dos principais problemas da plataforma atualmente!


Estilo de lançamentos

A Netflix basicamente criou o fenômeno das maratonas ao lançar temporadas inteiras de suas séries originais de uma vez. Embora o estilo de lançamento tenha conquistado grande parte do público, as séries da Netflix não providenciam ao espectador aquele sentimento de antecipação pelo próximo episódio, tão comum em séries com lançamento semanais, como a finada Game of Thrones.

Concorrência

Como já foi citado, a Netflix está para entrar em um dos períodos mais difíceis de sua história. Com o lançamento do Disney+, a plataforma ganhará um adversário à altura no mundo todo, com um catálogo invejável de obras da própria Disney, LucasFilm, Marvel, Fox e National Geographic. A plataforma já está pensando em maneiras para superar o gigante ainda não nascido, que supostamente será mais barato que a Netflix.

Cancelamentos inesperados

Talvez o maior problema atual da Netflix tenha mais a ver com os fãs do que com a plataforma. Séries queridas do público como The OA, One Day at a Time e Santa Clarita Diet foram canceladas sem aviso, enquanto produções vistas como inferiores, como 13 Reasons Why e Insaciável, ganharam novas temporadas. O público não entende muito bem o algoritmo da plataforma para o cancelamento das séries, e isso vem causando uma queda considerável em assinaturas.

Qualidade vs. Quantidade

É dito por especialistas que a Netflix se preocupa mais com quantidade do que com qualidade. Como séries e filmes novos são lançados basicamente toda semana, é mais rentável para a plataforma produzir inúmeros projetos que podem ser esquecidos do que manter seus recursos no desenvolvimento das bases de fãs de séries mais bem avaliadas. Segundo o site The AV Club, a plataforma prefere cancelar uma série com uma audiência mediana e tentar a produção de uma atração nova do que investir e procurar aumentar o público de seus projetos já lançados.

Contratos

Outro problema que a Netflix encontra atualmente é a saída de várias séries e filmes populares da plataforma. Com o lançamento de inúmeros novos serviços de streaming, a tendência é que as empresas não renovem os contratos de transmissão com a Netflix e peguem de volta suas propriedades, que devem ser disponibilizadas exatamente nestas novas plataformas. Isso vai acontecer com Friends nos Estados Unidos em 2020, e o Brasil pode não estar longe.

Séries tradicionais

Grande parte das séries tradicionais associadas à Netflix já chegou ao fim ou está chegando. Orange is the New Black e House of Cards já acabaram. Stranger Things continua no ar, mas sabe se lá por quanto tempo. Com a diversificação da programação, a Netflix alienou algumas de suas produções mais importantes.

Revolta dos fãs

Com o cancelamento de séries queridas, novas plataformas e a volta da pirataria, a fuga dos fãs é o maior medo da Netflix. A plataforma apresentou uma queda considerável no número de assinaturas em 2019, e é provável que a tendência aumente ainda mais no próximo ano.