Drácula é um personagem muito conhecido da literatura e do cinema, mas poucas pessoas sabem que também é um vilão da Marvel.

Como mestre de todos os vampiros, Drácula é tido como um inimigo importante para diversos personagens da editora, como Morbius, Blade e até o Deadpool.

Aqui estão dez curiosidades que você precisa saber sobre a versão da Marvel do Drácula, o vampiro mais assustador de todos os tempos.


Nascido na realeza

Não é surpreendente que o Drácula da Marvel seja inspirado em personagens históricos e literários. Aqui, o vampiro é um homem nascido no século 15 que se tornou governante da Transilvânia e teve desentendimentos contantes com o Império Otomano.

Depois de se casar e ter um filho, Drácula foi ferido em batalha. Levado até um misterioso curandeiro cigano, ele foi transformado em um vampiro, o que se tornou sua maldição por toda a vida.

Lutou contra Nimrod para obter poder

Drácula não se tornou o governante de todos os vampiros do nada. Foi um longo caminho para ganhar seu poder.

Na Marvel, o governante dos vampiros na época de Drácula era Nimrod, servo do primeiro vampiro de todos os tempos, Varnae.

Apesar de ter sido inicialmente derrotado por Nimrod, Drácula o enganou. Ao sair com vida da briga, tomou todo o seu poder.

Libertado pelo Monstro de Frankenstein

Assim como no romance clássico, o Drácula da Marvel foi surpreendido por Jonathan Harker e Abraham Van Helsing no século 19, sendo trancado em uma caverna por muito tempo. Mas não ficou lá para sempre.

Depois de ficar preso por um tempo, Drácula foi libertado pelo Monstro de Frankenstein, criado pelo Dr. Victor Frankenstein. Assim, ele voltou a governar os vampiros ao redor do mundo.

Muitos inimigos

Durante o século 20, na Marvel, Drácula adquiriu muitos inimigos. Entre os mais famosos, estavam Homem-Aranha, Doutor Estranho e os também mencionados Morbius, e Deadpool.

Descendentes dos seus inimigos mais clássicos, Rachel van Helsing e Quincy Harker também o derrotaram. No entanto, Blade parece ser o maior nêmesis de Drácula na Marvel.

Culto das trevas

Uma das maiores ambições de Drácula nos quadrinhos da Marvel é sua natureza vampírica: ele quer manter sua imortalidade e acabar com os efeitos colaterais de ser um vampiro. Com esse objetivo em mente, Drácula assumiu o controle do culto das trevas.

A ordem foi criada para adorar e liberar o poder de um poderoso artefato mágico. Por causa disso, entrou em conflito com X-Men, Vingadores e outros grupos de heróis da Marvel.

Retorno no corpo de um clone

Depois de ser derrotado pelo Doutor Estranho, parecia que Drácula tinha morrido. No entanto, a HYDRA pegou seu DNA para criar um clone.

Por causa disso, o vampiro retornou no corpo desse clone. A HYDRA esperava usá-lo como arma em seus planos sinistros, mas ele acabou escapando para voltar a ser um vilão independente.

Ataque ao Reino Unido

Um de seus maiores ataques na Marvel no século 21 foi quando Drácula reuniu aliados e lançou um ataque ao Reino Unido a partir da lua. Construindo um santuário para si mesmo na lua, Drácula organizou um pacto de não agressão com o Doutor Destino e a Cabala de vilões com quem ele trabalhou, para que nenhum deles interferisse nos planos do outro.

A partir daí, Drácula lançou uma série de vampiros especialmente projetados no Reino Unido e começou sua conquista, quase conseguindo até que foi parado por Cavaleiro Negro e Excalibur, também conhecida como Dra. Faiza Hussain.

Morto pelo filho

Após seu fracasso em conquistar o Reino Unido, Drácula enfrentou outro golpe devastador quando seu próprio filho Xarus, o poderoso senhor dos vampiros, usurpou seu trono, uniu os vários clãs de vampiros e terminou sua própria vida em Maldição dos Mutantes. Essa história também mostrou Xarus transformando Jubileu, dos X-Men, em uma de suas vampiras.

Com uma assistência de Blade, os X-Men pararam os vampiros, capturaram Jubileu e trouxeram Drácula de volta à vida para acabar com Xarus para sempre, deixando uma solução instável para os mutantes e vampiros por um tempo. Por um tempo!

Tentativa de parar o Hulk usando vampiros

Durante o grande evento Fear Itself, a Marvel decidiu incluir o poderoso Drácula na história. A história mostrou heróis e vilões transformados por poderosas armas em criaturas que servem à Serpente, também conhecida como deus e irmão do próprio Odin, Cul Borson.

Uma das armas celestes de Cul que continha a essência de seus generais, o Digno, caiu nas mãos do Hulk. Tornando-se Nul, o Destruidor de Mundos, Hulk desembarcou na Transilvânia e Drácula enviou uma legião de vampiros para pará-lo.

Drácula acabou usando uma ilusão de Betty Ross para libertar o Hulk do controle de Nul. Muito inteligente.

Traído por Deadpool

Em uma história divertida chamada Manopla de Drácula, Deadpool foi contratado pelo rei dos vampiros para recuperar sua futura noiva e futura rainha, Shiklah. No entanto, quando ele a transporta para Drácula, os dois se apaixonam e ela decide se casar com Wade antes que Drácula possa reivindicá-la como sua.

Irritado por ter sido superado por um idiota, ele atacou Deadpool. No entanto, quando os dois lutaram e Deadpool acabou perdendo a mão (literalmente), sua mão cortada esfaqueou Drácula e o envenenou com um pouco do sangue envenenado de Wade.