O Coringa, o maior vilão de todos os tempos da DC e um dos ícones culturais mais duradouros do mundo, retornou aos cinemas recentemente com uma nova roupagem pelo ator Joaquin Phoenix e pelo diretor Todd Phillips.

Enquanto o novo longa-metragem dá uma origem totalmente nova ao vilão, dezenas de escritores escolheram várias origens para o personagem ao longo dos tempos.

Aqui listamos dez das origens mais interessantes que o Coringa já recebeu nas histórias em quadrinhos do Batman.


Joker Aunt Eunice

Criança abusada

Durante o evento Forever Evil da DC, tivemos acesso a uma visão detalhada da infância do Coringa – ou pelo menos o que ele pensa ter sido sua infância. Vemos como Coringa foi criado por sua cruel e mesquinha tia Eunice, que abusou dele dia e noite.

O momento mais chocante de todos, no entanto, ocorre quando Eunice pega uma escova, um pouco de alvejante e limpa a criança até que fique com aquela pele branca. Foi uma origem sombria para o Coringa, mas há indícios de que não é real.

Homem imortal

Os quadrinhos dos Novos 52 optaram pela teoria de que o Coringa era um dos seres mais antigos da Terra, comparando-o a Vandal Savage e Ra’s al Ghul como um imortal.

A história diz que o Coringa – também conhecido como o “Homem Pálido” – usa os Poços de Lázaro para assombrar Gotham há séculos. Como na maioria das origens, ainda não está claro se o Coringa é realmente imortal.

Batman: Lovers and Madmen

Assaltante de bancos

Batman Confidential apresentou uma série de histórias situadas ao longo de vários pontos da carreira de lutador de crimes de Batman. Aqui, o Coringa era um assaltante de bancos chamado Jack. Ele estava desiludido com seu trabalho, até conhecer o Homem Morcego.

Renovado, ele invade um evento de caridade, e quando mata uma das socialites presentes, o Batman lança um batarang em sua direção, cortando sua boca e desfigurando-o no processo.

Desesperado por resultados, Bruce pede a ajuda da multidão para localizar Jack – o que eles fazem. Eles planejam executá-lo em uma instalação química, mas quando Jack se liberta, ele tropeça em um dos tanques. Depois de receber um banho químico, ele acorda com sua pele branca e cabelo esverdeado.

Batman House of Hush Joker Origin

Criança doente

A Casa de Silêncio apresenta uma origem um tanto esquecida do Coringa – ou pelo menos uma história de seu passado. Numa cena situada no passado da trama, conhecemos um garoto chamado Sonny, que está hospitalizado na clínica da Dra. Leslie Thompkins.

A história diz que a criança foi infectada com um vírus por promotores impiedosos determinados a usar a área de baixa renda como uma trama para seus próprios negócios. O responsável por isto foi um mafioso chamado Sallie Guzzo, que depois de anos o Coringa mata depois de repetir as palavras que ele disse a Sonny quando o infectou com vírus.

Mais tarde, o escritor da HQ, Paul Dini, confirmou que o Coringa na verdade era aquele garoto chamado Sonny. Quem somos nós para duvidar?

Heath Ledger Joker Dark Knight The

Cicatrizes misteriosas

O Coringa de Heath Ledger foi o grande destaque de Batman: O Cavaleiro das Trevas e provavelmente um dos maiores vilões da história do cinema. Para suas vítimas, ele conta histórias diferentes sobre como recebeu as cicatrizes.

Primeiro, ele diz que seu pai era “bêbado e viciado” e o deixou desfigurado quando mais jovem. Depois, conta que fez aquilo no rosto para animar sua esposa depois de ela ter sido marcada por agiotas.

Ambas são origens perturbadores, mas irreais. Este Coringa não tinha origem fixa. Ele simplesmente inventava as histórias, como denunciava a expressão de Legder ao contá-las.

Mad Love Joker Origin

Agredido pelo pai

Batman: Louco Amor é uma das melhores histórias de todos os tempos de Batman. Durante suas sessões de terapia, e em uma tentativa de encantar Arlequina, Coringa conta uma história de sua infância.

Ele afirma que seu pai era abusivo e que a única vez em que viu seu pai feliz foi quando eles foram ao circo e observaram um palhaço em sua clássica rotina. Na noite seguinte, ansioso por conquistar as afeições de seu pai, o Coringa encenou a mesma peça daquele palhaço usando as calças do pai, abrindo um buraco nelas. Por causa disso, teve seu nariz quebrado pelo pai.

Mais tarde, enquanto amarrado e à mercê de Arlequina, Batman revela que tudo era mentira, alegando que era apenas mais um conto da lista de histórias do Coringa. Ele também falava sobre uma mãe alcoólatra e sobre ter sido um órfão fugitivo.

Batman 89 Jack

Gângster perigoso

Batman: O Filme incluiu algumas mudanças controversas na história de Coringa, incluindo uma origem ousada. Aqui ele era o mafioso chamado Jack Napier.

Ele trabalha para o chefão da máfia Carl Grissom, mas logo fica claro que Carl não gosta tanto de Jack e, de fato, está procurando se vingar dele. Eles vão para a Axis Chemicals, Batman intervém, e logo Jack cai em um tanque de ácido. O resto é história.

Joker Case Study

Criminoso famoso

De acordo com Estudo de Caso, HQ de Paul Dini e Alex Ross, o Coringa já foi um criminoso proeminente que acabou criando a persona do Capuz Vermelho por tédio.

Ele então finge ostensivamente sua insanidade depois de cair em um tanque de produtos químicos, usando uma suposta doença mental como uma “máscara” para evitar sumariamente qualquer punição potencial, como uma condenação à morte. É uma das origens mais interessantes.

Joker Mask of the Phantasm

Executor da máfia

Batman: A Máscara do Fantasma, existindo no mesmo universo da série animada, deu uma origem curiosa para o Coringa. Durante uma investigação, Batman descobre que o Coringa trabalhava como motorista e executor para a família criminosa Valestra.

Foi uma origem concreta para o Coringa, embora seu nome verdadeiro não tenha sido revelado na ocasião. Ainda assim, os fãs gostam mais de um passado nebuloso.

The Killing Joke

Comediante fracassado

A Piada Mortal é uma das histórias mais controversas do Batman de todos os tempos. A trama aborda o Coringa como um comediante fracassado que luta para apoiar sua esposa grávida.

Quando as coisas ficam desesperadoras, o comediante recebe uma oportunidade para ganhar dinheiro rapidamente, fingindo que é o Capuz Vermelho durante uma invasão a uma instalação química. O resto da história é bastante familiar.

A reviravolta no fim da história é que essa não é necessariamente a origem do Coringa. Ele sempre se lembra da história de maneiras diferentes. Então, mesmo com tudo mostrado, seu passado continua obscuro.