Grey’s Anatomy é conhecida por seus romances tumultuosos, mortes trágicas, relacionamentos memoráveis e momentos inesquecíveis. Meredith Grey, como protagonista da série, participou de muitos destes momentos.

Durante as 15 temporadas de Grey’s Anatomy, Meredith passou por altos e baixos, e tomou algumas atitudes no mínimo questionáveis.

O site Screen Rant listou as piores coisa que Meredith já fez em Grey’s Anatomy; confira abaixo!


O relacionamento com George

A dinâmica de Meredith e George poderia ter sido melhor aproveitada por Grey’s Anatomy. Porém, os roteiristas da série decidiram investir na história da “crush” do jovem pela colega. Infelizmente, a narrativa clichê não durou apenas alguns episódios, e George acabou sendo usado por Meredith para superar um de seus términos com Derek.

Rejeitou Lexie

A relação de Meredith e Lexie começou a melhorar pouco antes da jovem médica morrer no trágico acidente de avião lembrado até hoje como uma das tramas mais tristes da série. Meredith tinha problemas em seu relacionamento com a irmã, e a rejeitou desde o início por vários motivos.

A família de Derek

Meredith tem um sério problema de isolar as pessoas. Quando Derek morre, ela se fecha para vários dos amigos mais próximos. Pior ainda, ela não informa a família do médico que ele foi colocado em suporte vital, roubando dos parentes a chance de uma despedida.

Sacrifício

A síndrome de auto sacrifício de Meredith poderia tê-la matado diversas vezes. No exemplo mais famoso, a médica pede para que um atirador atire nela ao invés de em Derek. Na época, Meredith ainda estava nos primeiros estágios da gestação, e mesmo assim parecia pronta para dispor de sua vida para a sobrevivência do amado.

O assassino

Quando Meredith simpatizou com um assassino e tentou ajudá-lo, Cristina e Derek ficaram furiosos. O paciente foi admitido no Seattle Grace com traumatismo craniano. Os médicos do hospital queria deixá-lo vivo para o resto do cumprimento de sua pena na cadeia. Meredith, ao contrário, queria permitir a morte dele.

Cristina

Esse fato não é culpa da Meredith, mas mesmo assim é triste saber que uma das amizades mais icônicas de Grey’s Anatomy para todos os efeitos terminou. Após a saída de Sandra Oh da série, a personagem quase nunca foi citada novamente, apenas em algumas ocasiões especiais.

Auto-sabotagem

Desde o início de Grey’s Anatomy, Meredith fez progressos importantes em alguns de seus aspectos mais complicados. A personagem sempre contou com uma grande tendência à auto-sabotagem, e conseguiu estragar grandes oportunidades na vida profissional e amorosa.

Nathan

É consenso entre os fãs de Grey’s Anatomy que Meredith deveria ter ganhado mais tempo para lamentar a morte de Derek antes de se envolver em outro relacionamento romântico. Por isso, a relação da médica com Nathan foi vista como equivocada e desnecessária. Além disso, os atores não tinham nenhuma química.

Grey’s Anatomy exibe atualmente sua 16ª temporada.