Steven Spielberg
Steven Spielberg

Jogador Nº 1 empurrou o diretor Steven Spielberg para uma marca histórica – ele é o primeiro diretor do mundo a ultrapassar US$ 10 bilhões em bilheteria mundial.

O valor, equivalente a R$ 34 bilhões, foi batido com os US$ 474 milhões acumulados por Jogador Nº 1 até agora ao redor do mundo.

No entanto, a ficção científica é apenas o sétimo filme mais bem sucedido da carreira de Spielberg, atrás de: Jurassic Park (US$ 983 milhões), Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal (US$ 786 milhões), E.T.: O Extraterrestre (US$ 717 milhões), Jurassic Park: O Mundo Perdido (US$ 618 milhões), Guerra dos Mundos (US$ 591 milhões) e O Resgate od Soldado Ryan (US$ 481 milhões).


Em sua estreia nos Estados Unidos, Jogador Nº 1 se tornou maior abertura para um filme de Steven Spielberg neste década.

Podcast | Jogador Nº 1 | Dr. M #42

A sinopse oficial do longa diz o seguinte: “O ano é 2044 e a Terra não é mais a mesma. Fome, guerras e desemprego empurraram a humanidade para um estado de apatia nunca antes visto. Wade Watts é mais um dos que escapa da desanimadora realidade passando horas e horas conectado ao OASIS – uma utopia virtual global que permite aos usuários ser o que quiserem; um lugar onde se pode viver e se apaixonar em qualquer um dos mundos inspirados nos filmes, videogames e cultura pop dos anos 1980. Mas a possibilidade de existir em outra realidade não é o único atrativo do OASIS; o falecido James Halliday, bilionário e criador do jogo, escondeu em algum lugar desse imenso playground uma série de easter-eggs que premiará com sua enorme fortuna – e poder – aquele que conseguir desvendá-los. E Wade acabou de encontrar o primeiro deles”.

Jogador Nº 1 foi lançado nos cinemas brasileiros no dia 29 de março de 2018.