Na revista Action Comics #1001, foi revelado que um sindicato do crime, liderado por Mr. Strong, é responsável por uma série de incêndios na última minissérie do Superman, provocados para distrair o herói de suas atividades criminosas.

A edição seguinte mostrou um dos membros da gangue pagando para um jovem garoto dizer que o Superman começou esses incêndios.

Batman vs Superman | Zack Snyder confirma que usou sua voz em cena do filme


Esse membro da gangue foi, então, morto e o Mr. Strong fez com que seu corpo fosse jogado no meio de Metropolis, durante o dia, de tal forma que testemunhas acreditassem que o Superman tenha sido o responsável. Para piorar, o líder do sindicato infiltrou um repórter no Planeta Diário e fez com que ele escrevesse uma notícia, acusando o Homem de Aço do crime.

Depois disso, o editor do jornal faz com que Clark Kent investigue o crime, para determinar se foi cometido pelo Superman.

Action Comics #1002 já está à venda, nos EUA.