Atenção! Contém spoilers do capítulo 112 do mangá Attack On Titan.

Attack on Titan | Criador do mangá quebra o silêncio sobre acordo para filme live-action

Os fãs de Attack On Titan se surpreenderam com uma reviravolta completamente inesperada acontecida no capítulo mais recente do mangá. Em uma cena chocante, um dos herói da obra de Hajime Isayama e transformou em um dos maiores vilões da história.


Após ameaçar Armin e Mikasa, Eren se transformou oficialmente em vilão. Ele não apenas proferiu um monólogo com suas razões para trair o exército de Paradis, mas também levou as coisas para o lado pessoal cortando relações com seus amigos de infância.

“Eu sou livre. Para fazer qualquer coisa. Para escolher qualquer coisa. Tudo é parte do meu livre arbítrio”, afirma Eren, ao contar para os ex-amigos que escolheu ajudar no assassinato de Zackly.

Quando Mikasa tenta refutar suas revelações, ele não se importa, e o dramático encontro termina com o protagonista admitindo que ele sempre odiou Mikasa. Essa atitude demonstra o quão baixo Eren caiu, já que antes ele havia brigado por Armin para defender Mikasa.

Escrita e ilustrada por Hajime Isayama, a história é ambientada em um mundo onde a humanidade vive cercada por paredes gigantescas que os protegem de humanoides gigantescos batizados de titãs. O mangá já conta com 23 volumes publicados.

O filme de Attack on Titan ainda não tem previsão de estreia para ser lançado.