Atenção! Spoilers para a edição #43 de Homem-Aranha/Deadpool.

Era Uma Vez um Deadpool | Nickelback responde teaser do filme que defendeu banda

Deadpool sempre foi conhecido por quebrar a quarta parede para fazer piadas, seja em sua versão interpretada por Ryan Reynolds ou em sua encarnação nos quadrinhos. Na última edição da HQ, o personagem aproveitou para criticar a DC.


A dubla formada pelo mercenário e o Homem-Aranha atualmente está presa na Zona Negativa inspirada pelo lendário criador de HQs, Jack Kirby. Deadpool é o primeiro a perceber que o novo personagem Jannor lembra muito o Grande Barda, da DC, que recentemente apareceu em Mister Miracle, de Tom King.

King nunca escondeu sua admiração pelo estilo de Alan Moore e David Gibbons em Watchmen, e utilizou a técnica em grandes partes de seu trabalho para a DC, incluindo Mister Miracle, minissérie de 12 capítulos que rendeu um prêmio Esiner para o autor.

Como Deadpool também quer ganhar um prêmio Eisner, ele tenta copiar o estilo do autor para ser reconhecido pelas premiações.

Homem-Aranha não sabe que vive dentro de quadrinhos, então não tem ideia do que está acontecendo. Deadpool dessa forma usa o estilo original de Tom King para criticar a DC e sua grande quantidade de prêmios. Confira a cena abaixo.

Era Uma Vez um Deadpool estreia nos cinemas brasileiros em 27 de dezembro.