Atenção! Contém spoilers da edição #65 da HQ The Flash.

Os eventos da DC estão criando marcas profundas nos principais heróis da editora. No mais recente capítulo de The Flash, o velocista e Batman terminaram uma parceria de anos.

Tudo acontece por causa do objetivo de Batman em ajudar a Garota de Gotham a se transformar em uma heroína, como ela quer. Flash, que sempre ajudou o amigo, começa a se questionar se é correto colocar jovens na linha de fogo.


Ao mesmo tempo que a situação da Garota de Gotham acontece, Barry Allen está em luto pela morte do Wally West original. O primeiro ajudante do Flash foi internado em um hospital psiquiátrico e depois morto em um massacre, em história que está nas páginas de Heroes in Crisis.

The Flash está sendo reescrito por roteiristas de Homem-Aranha: De Volta ao Lar

Após ser atingida por uma toxina mortal, a Garota de Gotham está prestes a voltar para Batcaverna, onde Batman promete salvá-la. É quando Iris, esposa de Barry, interrompe os amigos e afirma que os dois devem parar de arriscar a vida de outras pessoas.

Flash, em um momento de reflexão, passa a concordar com Iris. O velocista discute com Batman e os dois trocam ofensas. Ao fim, Barry apenas diz que tem sorte de não ser o Batman. É o fim de uma parceria de décadas.

A edição #65 de The Flash já está a venda. A prévia pode ser conferida abaixo.