CONTÉM SPOILERS!

O confronto prometido entre Mary Louise de Meryl Streep e Celeste de Nicole Kidman no final da segunda temporada de Big Little Lies foi tão explosivo quanto o prometido, com Celeste confrontando sua sogra ao falar do acidente de carro que matou o irmão de Perry (Alexander Skarsgård) quando era criança.

“Você é uma mentirosa”, disse Mary Louise, quando Celeste perguntou a ela sobre as coisas que Perry havia dito a ela – que ela culpou Perry pelo acidente, e bateu nele -, mas Celeste fez um vídeo de Perry batendo nela que os garotos tinha filmado. Enquanto Celeste não tinha certeza de como o juiz agiria, porque o testemunho só provou o mal de Perry e não sua aptidão como mãe, tudo acabou resultando a seu favor e o juiz decidiu não causar mais trauma aos meninos.


De coração para coração na noite anterior ao veredito, Madeline (Reese Witherspoon) e Celeste discutiram sobre a mentira que as Cinco de Monterey mantinham. Madeline se arrependeu sugerindo que eles mentiram, e estava triste porque o segredo era separá-los. Mas Celeste disse a ela que “a mentira é a amizade” para as Cinco de Monterey.

A mentira não acabou por separá-las, no entanto. Isso devastou Bonnie (Zoe Kravitz), que disse a seu marido, Nathan (James Tupper), que ela não estava apaixonada por ele e cuja mãe acabou morrendo de derrame. Renata (Laura Dern) finalmente atacou seu marido egoísta, Madeline renovou seus votos com seu marido Ed (Adam Scott), e Jane (Shailene Woodley) finalmente se abriu para seu novo namorado.

Mas todos se encontraram na delegacia e entraram juntas – aparentemente para se entregarem – enquanto Mary Louise saía da cidade. O final, então, pareceu bastante definitivo – e o chefe da HBO, Casey Bloys, disse que uma terceira temporada de Big Little Lies é improvável.

Big Little Lies é uma produção original da HBO.