Supernatural chegará ao fim com a sua 15ª temporada. Com um universo tão expandido e famoso, fãs se perguntam se a série pode ganhar uma derivada.

O que acontece é que Supernatural já teve duas tentativas de séries derivadas. A primeira foi em 2014, com o episódio da nona temporada chamado de Bloodlines.

A trama apresentava gangues de monstros em Chicago. Porém, esse episódio piloto, que teve a participação dos protagonistas Sam e Dean, não agradou.


Quatro anos depois, a CW voltou a usar a série para uma tentativa de derivada. Foi durante a 13ª temporada, com o capítulo Wayward Sisters, focado em Jodie Mills. Apesar do episódio ter ganhado reconhecimento, a emissora decidiu novamente não seguir em frente com o projeto.

O que se sabe agora é que a CW tem interesse em tentar mais um derivado de Supernatural. Assim como Sam e Dean, a ideia de um spin-off da série é difícil de morrer na emissora.

O que pode ajudar dessa vez é o fato de Supernatural estar acabando. É difícil vender uma série do mesmo universo, enquanto Sam e Dean seguem brilhando na TV. Pode ser que como uma substituta, a terceira derivada tenha mais chances de sobrevivência que as tentativas anteriores.

Por enquanto, a emissora não informou sobre qual pode ser o foco da nova derivada.

A 15ª e última temporada de Supernatural estreia em 10 de outubro nos EUA.