A estréia da sexta temporada de The Flash, da DC, trouxe um grave aviso do futuro. Perto do final do episódio, o Monitor apareceu para Barry Allen e Iris West e informou que o Velocista Escarlate morreria na próxima “Crise nas Infinitas Terras”, o tão esperado crossover de dezembro.

Agora, no segundo episódio da temporada, “A Flash of the Lightning”, Barry e Iris ainda estão se recuperando da revelação chocante do Monitor. Seu novo grande objetivo é mudar o destino de Barry.

A fim de encontrar uma maneira de contornar seu destino, Barry tenta viajar para meses no futuro, para ver o que acontece no dia seguinte à sua morte prevista. Infelizmente, um muro de anti-matéria o impede de chegar ao seu destino.


Em vez disso, o super-herói opta por viajar para a Terra-3, onde Jay Garrick oferece uma ajuda. E aí, o Flash acaba roubando o manual do Doutor Estranho em Vingadores: Guerra Infinita.

Por causa da barreira anti-matéria dentro da Força de Aceleração, Barry é incapaz de viajar no tempo além dos eventos de “Crise nas Infinitas Terras”. No entanto, em seu laboratório de velocidade, Jay Garrick tem a seguinte ideia: uma máquina que pode conectar Barry ao seu eu futuro.

Uma vez que ele está conectado à máquina, Barry vislumbra a crise que está por vir e a destruição total da Terra nas mãos do Anti-Monitor. Quando ele acorda, ele está obviamente bastante abalado, e leva um pouco de tempo para ele se recuperar.

Mais tarde, Barry diz a Iris que viu bilhões de futuros possíveis se desenrolarem em super velocidade. Em cada um deles, a Terra e todos que ele amava se foram.

Ele explica que o único futuro em que o mundo é salvo é aquele em que ele faz o sacrifício final e morre. E assim, Barry agora sabe a única maneira de salvar o universo inteiro.

Se isso soa familiar, é estranhamente uma reminiscência do plano do Doutor Estranho em Vingadores: Guerra Infinita. Como os fãs podem se lembrar, no filme, o Feiticeiro Supremo usou a Joia do Tempo para examinar 14.000.605 futuros onde os Vingadores perderam a luta contra Thanos.

Desses resultados, havia apenas um em que os Vingadores triunfaram – uma sequência de eventos que se desenrolariam por todo o caminho até Vingadores: Ultimato.

Claro, para que os Vingadores salvem o universo, Tony Stark/Homem de Ferro fez o sacrifício final. Agora, para “Crise nas Infinitas Terras”, o Flash acaba de se inspirar em Doutor Estranho.

Ele viu um número infinito de futuros possíveis, e a única maneira de salvar todos envolve sua própria morte e a morte final de um de seus melhores amigos. E em ambos os casos, isso pode custar a vida de um grande, se não o maior, super-herói do mundo.

The Flash está em exibição com sua sexta temporada.