ALERTA DE SPOILERS

Sam e Dean conheceram Adam Milligan na 4ª temporada de Supernatural, quando ele alegou ser o meio-irmão e o terceiro filho de John Winchester. E sua história foi confirmada.

É por isso que, quando a 5ª temporada chegou e o apocalipse estava se aproximando rapidamente, Adam pôde servir como hospedeiro de Miguel para o confronto bíblico entre os arcanjos Miguel e Lúcifer. (Miguel estava no corpo de Adam, e Lúcifer estava no Sam.)


Mas quando Sam se encarregou de lutar contra Lúcifer por dentro e saltar para o inferno, todos os quatro – os anjos e seus hospedeiros – terminaram na Gaiola.

Sam não ficou lá por muito tempo – Castiel o havia retirado (sem sua alma) na última cena da 5ª temporada – e Lúcifer escaparia alguns anos depois. E agora, é hora dos outros dois fazerem o mesmo.

“Adam é um personagem sobre o qual os fãs conversam há muito tempo e conversamos sobre trazê-lo de volta por um longo tempo. Parecia a hora, não apenas porque é nossa última temporada, mas porque estamos lidando com Deus e todos os outros arcanjos estão mortos ou em algum outro lugar, então o que nos resta é Miguel.

Fez sentido trazer os dois personagens de volta. Eu acho importante dizer que Adam está voltando e ele tem sua história, mas Miguel também está voltando e ele tem uma história própria”, disse o showrunner Andrew Dabb em entrevista à EW.

A 15ª temporada de Supernatural já está em exibição nos EUA. No Brasil, a série é transmitida pelo canal Warner.