A batalha pela supremacia de streaming tem sido dura por anos, já que a Netflix controla há muito tempo o mercado. No entanto, isso está começando a mudar com o crescimento e a chegada de outras plataformas, como o Disney+, que conseguiu 10 milhões de assinantes em seu primeiro dia.

Enquanto os mercados internacionais ainda estão crescendo para a Netflix, a gigante do streaming tem perdido usuários norte-americanos.

A Kill the Cable Bill conduziu uma pesquisa com 1000 pessoas que cancelaram sua assinatura nos últimos meses, e muitos deles eram usuários de longa data do serviço, afastando-se devido aos aumentos consistentes de preços e falta de conteúdo atraente.


63% dos entrevistados disseram que estavam inscritos na Netflix há mais de um ano antes de tomar a decisão de cancelar. Isso significa que o problema não são as pessoas que tentam o serviço e não gostam dele, mas os usuários que se cansam com o tempo.

Isso não deveria acontecer, mas o aumento nos preços e a quantidade de originais não está melhorando aos olhos de muitos usuários. Apenas 7% das pessoas pesquisadas saíram imediatamente após o teste gratuito de um mês. Também é importante notar que 58% dos usuários pesquisados ​​afirmam não ter certeza se voltarão à Netflix posteriormente.

Quando perguntados sobre o motivo do cancelamento da Netflix, os entrevistados foram convidados a escolher tudo o que se aplicava a partir de uma lista. Um número impressionante de 49% afirmou que foi por causa dos aumentos de preços, enquanto outros 42% argumentaram que a “falta de conteúdo interessante” os afastaram.

40% das pessoas que participaram da pesquisa disseram que o uso de outros serviços de streaming ajudou a tomar a decisão de cancelar o Netflix.

A Netflix está disponível no Brasil com assinaturas a partir de RS$ 21,90 por mês.