ALERTA DE SPOILERS

O episódio desta semana da Law & Order: SVU foi centrado em um círculo de tráfico sexual vinculado a um spa na cidade de Nova York. A equipe ajudou a investigar o Sweet Joy, um salão de massagens em que as jovens são forçadas a realizar atos sexuais para pagar dívidas. O caso terminou de uma maneira frustrante, com fãs enfurecidos no final.

No início da investigação, Fin e o Sargento Joe Park descobriram câmeras de segurança em cada quarto do spa. A filmagem estava ligada ao salão de beleza de Evelyn do outro lado da rua, onde Rollins descobriu um vídeo que parece mostrar uma garota, Mei Mei Li, sendo estuprada. No começo, a menina não queria ajudar, mas a capitã Olivia Benson sugeriu que ela estaria aberta para ajudá-los a pegar o estuprador, se conseguirem Evelyn.


Lily Song disse mais tarde a Kat que o suposto estuprador, Theo, era um cliente especial e Evelyn disse a ela que eles deveriam fazer o que ele quisesse. Theo disse a Fin que o que ele fez não foi estupro, já que as meninas são pagas para fazer o que os clientes quiserem. Ele também disse que tinha um amigo que aluga o espaço da sala, que o permite visitar o spa sem fazê-lo pagar.

O próximo passo foi descobrir quem era o amigo. Enquanto isso, Mei Mei disse a Rollins que voltaria ao spa e se recusou a testemunhar. Enquanto isso, Kat fez Lily testemunhar.

Enquanto apresentava Lily a Benson e Carisi do lado de fora do tribunal, Lily recebeu uma ligação e desapareceu no banheiro. Kat entrou e descobriu que Lily pulou pela janela. Alguém lhe enviou uma foto de sua mãe com uma arma na cabeça.

Mei Mei foi a única pessoa que foi ao funeral de Lily. Rollins e Carisi conversaram com Mei Mei e pediram que ela testemunhasse. Ela recusou, mas lhes disse que Charlie – o “bagman” que eles conheceram mais cedo no spa – estava realmente apaixonado por Mei Mei e eles estavam economizando para sair da situação.

Fin e Park contaram a Charlie sobre o que Lily fez e as circunstâncias por trás da morte dela. Os detetives contaram a Charlie sobre Theo, mas ele ainda não conseguiu fornecer informações sobre o amigo. Ele concordou em ajudar, mas não parecia confiante de que funcionaria. Eles deram um bipe no amigo, que achou que ele estava encontrando Charlie. Em vez disso, ele encontrou Park e foi preso.

O amigo Rick e seu advogado alegaram que ele era inocente. O advogado de Rick tentou convencer Fin e Rollins de que ele estava arrecadando aluguel, mas eles não estavam comprando a ideia. Eles mostraram a Rick as fotos dele no spa e fotos de Theo estuprando e agredindo mulheres.

Carisi e Benson entrevistaram o pai de Rick, Avi Olin. Mesmo sabendo que Avi está cegamente permitindo que seu filho faça o que ele quiser, o advogado de Olin disse que só ajudará se ele não for acusado de nada.

Em seguida, a equipe pegou Vanessa Hadid atualizada sobre o caso, mas as respostas que obtiveram dela não estavam a seu favor. Olin contou a eles como uma família rica de chineses e americanos, os Changs, é dona dos spas. Hadid disse a eles que precisam de provas concretas de que os Changs estão ligados ao tráfico sexual.

Mais tarde, Benson conversou com Evelyn, e disse que sabia sobre a filha dela, que foi aceita em uma faculdade nos EUA. Em troca de não contar à escola como Evelyn está pagando as mensalidades, ela cedeu. O dinheiro está sendo canalizado para Lester, um homem que administra uma agência de viagens chinesa.

A equipe invadiu a agência de viagens, onde encontraram toneladas de registros, implicando os Changs no tráfico, que era exatamente o que Hadid queria. Rollins e Park mais tarde encontraram os Changs entregando dinheiro para uma instituição de caridade e os prenderam.

É claro que Christine Chang mais tarde negou estar ligada ao tráfico, mas Benson e Carisi tentaram diminuir sua confiança. Benson disse a ela que eles sabem que sua linha de ônibus está sendo usada para transportar mulheres de spa em spa. Carisi disse que Lester estava pronto para acabar com tudo. Chang fez um apelo apaixonado, observando que ela escapou da Revolução Cultural e prometeu ajudar as meninas a chegarem aos EUA.

Carisi e Hadid fizeram um acordo com Chang. Surpreendentemente, o governo federal interveio, forçando a suspensão do caso e Christine foi libertada. A confissão nunca aconteceu e todo o trabalho duro que fizeram foi por nada. Hadid insistiu que não havia nada que ela pudesse fazer e Carisi ficou chocada.

Muitos fãs no Twitter, como você pode conferir abaixo, ficariam furiosos com esse desfecho, se revoltando principalmente com os federais que interviram no caso.

O final não foi completamente terrível. Theo se declarou culpado, enquanto Rick ainda está negociando um acordo. Ele poderia sair, o que não deixa Kat feliz. Mais tarde, Carisi e Rollins disseram a Mei Mei que ela não tem mais dívidas a pagar. Eles a ajudaram a entrar em contato com o irmão.

Law & Order: SVU está atualmente em sua 21ª temporada. No Brasil, a série está disponível no Globoplay.