A décima quinta temporada de Supernatural trouxe de volta mais um personagem famoso da história do programa, adicionando um membro surpresa à equipe de Deus.

O episódio desta semana começa aparentemente comum. Três meninas são atacadas enquanto acampam sozinhas na floresta, Sam e Dean se apresentam como as autoridades para obter informações e salvar a donzela em perigo de lobisomens desagradáveis.

O mistério é rapidamente resolvido, o que é uma indicação clara de que algo está errado. Quem estava por trás de tudo é Lilith, uma icônica vilã de Supernatural.


Principal antagonista de temporadas anteriores de Supernatural, Lilith é um demônio de olhos brancos e o servo mais leal de Lúcifer. Ela pula de corpo em corpo quebrando os selos que impedem a ressurreição do Diabo, finalmente permitindo que Sam a mate como o passo final nesse plano perverso.

Retornando mais de dez temporadas depois, Lilith assumiu o disfarce de uma das três vítimas do sexo feminino e orquestra a caça dos Winchester. Surpreendentemente, é revelado que Lilith foi trazida de volta à vida por Deus, que solicitou que ela representasse um cenário pré-escrito para os Winchester seguirem.

O objetivo final era recuperar a arma do Equalizador que Deus havia criado e dado a Sam anteriormente. Ela consegue, destrói a arma e foge para a noite.

A décima quinta temporada de Supernatural continua em 21 de novembro, nos Estados Unidos.